PUBLICIDADE
Futebol
LIGUE 1

Mais dois jogos do Campeonato Francês são adiados por protestos

14:15 | 06/12/2018

O Monaco jogaria contra o Nice nesta sexta-feira, na abertura da 17ª rodada da Ligue 1 (Foto: Valery Hache/AFP)
Nesta quinta-feira, a LFP (Liga de Futebol Profissional da França) anunciou o adiamento de mais dois jogos do Campeonato Francês previstos para este final de semana. Já na terça-feira, foram divulgados os comunicados de suspensão das partidas Paris Saint-Germain x Montpellier e Toulouse x Lyon. Dois dias depois, Monaco x Nice e Saint Etienne x Olympique de Marseille sofreram da mesma decisão.


A não realização dos confrontos é motivada pela onda de protestos que ocorre no país. A população tem ido às ruas para contestar o aumento de impostos sobre os combustíveis, que seria promovido pelo criticado presidente Emmanuel Macron. O movimento, liderado por forças sindicais, já surtiu efeito, visto que o mandatário voltou atrás em sua decisão. No entanto, as manifestações devem continuar nos próximos dias.




🚨 A la demande du gouvernement princier de la Principauté de Monaco et en lien avec la Préfecture des Alpes-Maritimes, la @LFPfr reporte la rencontre @AS_Monaco – @ogcnice â%u017E¡ï¸ https://t.co/VwvMtJHLtr pic.twitter.com/CzyW5uS2ql

— Ligue 1 Conforama (@Ligue1Conforama) 6 de dezembro de 2018



A suspensão dos jogos se dá por questões de segurança, uma vez que alguns incidentes dos protestos já envolveram a Ligue 1. Na última rodada, por exemplo, os “coletes amarelos”, como chamam os manifestantes, bloquearam o caminho do ônibus que levava o Nantes para o aeroporto, na noite de sexta para sábado, após uma partida contra o Saint-Etienne.


Das quatro partidas adiadas, apenas Monaco x Nice ocorreria nesta sexta-feira, às 17h (de Brasília), no Louis II, em Mônaco. O encontro entre PSG e Montpellier estava marcado para sábado, enquanto os outros dois jogos aconteceriam no domingo. Após 16 rodadas completas, o time comandado por Neymar e Mbappé segue na liderança da competição, invicto, com 44 pontos ganhos, 14 à frente do vice Lille.


Gazeta Esportiva

Recomendadas para você

Comentários