PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Guillermo Barros Schelotto é demitido do Boca Juniors

O rumor se tornou fato consumado. Na tarde desta sexta-feira, Guillermo Barros Schelotto foi demitido do Boca Juniors. O presidente do clube, Daniel Angelici, em entrevista coletiva, evitou esclarecer o real motivo para o desligamento do treinador. Entretanto, deu a entender que a derrota na final da Libertadores para o maior rival, River Plate pesou [?]

17:30 | 14/12/2018

O rumor se tornou fato consumado. Na tarde desta sexta-feira, Guillermo Barros Schelotto foi demitido do Boca Juniors. O presidente do clube, Daniel Angelici, em entrevista coletiva, evitou esclarecer o real motivo para o desligamento do treinador. Entretanto, deu a entender que a derrota na final da Libertadores para o maior rival, River Plate pesou muito.

?Quero agradecer a Guillermo e a sua comissão técnica pelos dois campeonatos que ganhamos e por termos chegado a esta fase da Copa. Ninguém mais do que todos nós queríamos ganhar essa final?, afirmou o mandatário.

Com isso, cresce a especulação em torno da contratação de Felipão para o clube xeneize. Outros nomes que podem assumir a equipe são Antonio Mohamed, José Pekerman e Miguel Angel Russo. A informação é do diário argentino Ole.

Schelotto chegou ao Boca em 2016 e tinha contrato até o final de 2018. Com ele, Gustavo Barros Schelotto, auxiliar e irmão gêmeo também deixa o time. Com o clube, conquistou duas vezes o Campeonato Argentino.

 

Gazeta Esportiva

TAGS