PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Caen marca nos acréscimos e vence Toulouse pelo Campeonato Francês

Nesta terça-feira, o Caen recebeu o Toulouse pela rodada de número 18 do Campeonato Francês. No Estádio Michel D?ornano, em Caen, o jogo foi equilibrado, mas, com um gol de pênalti nos acréscimos da etapa final, quem levou a melhor foram os donos da casa. O placar foi de 2 a 1. Khaoui e Fajr [?]

18:00 | 18/12/2018

Nesta terça-feira, o Caen recebeu o Toulouse pela rodada de número 18 do Campeonato Francês. No Estádio Michel D?ornano, em Caen, o jogo foi equilibrado, mas, com um gol de pênalti nos acréscimos da etapa final, quem levou a melhor foram os donos da casa. O placar foi de 2 a 1. Khaoui e Fajr fizeram para os donos da casa, enquanto Max Gradel diminuiu para os visitantes.

O resultado é importantíssimo para o Caen, que deixa a zona do rebaixamento, ainda que provisoriamente, assumindo a 16ª posição com 17 pontos ganhos. Com um pontinho a mais, o Toulouse, por sua vez, também segue próximo à zona da degola, ocupando a 15ª colocação.

Na próxima rodada, marcada para o próximo final de semana, os comandados de Patrice Garande enfrentam o Reims, fora de casa. Já a equipe dirigida por Alain Casanova volta a jogar longe de seus domínios, desta vez visitando o Lille.

O Jogo

O primeiro tempo ficou marcado por grande equilíbrio nas ações, tanto em termos de posse de bola, quanto de finalização a gol.

Para a alegria da torcida presente, quem comemorou primeiro foi o Caen. Aos 18 minutos, Crivelli ganhou disputa na intermediária e tocou para Khaoui. Mesmo bem distante da meta adversária, o camisa sete soltou o pé esquerdo e viu o goleiro Reynet aceitar: 1 a 0.

O Toulouse correu atrás do prejuízo e conseguiu empatar a partida antes do intervalo. Aos 44, o árbitro precisou da ajuda do VAR para sinalizar um toque com a mão, dentro da área do Caen, e marcar pênalti. Na cobrança, Gradel bateu alto, sem chances para Samba.

Se, na primeira etapa, Reynet saiu de campo como vilão, na segunda, foi o contrário. O goleiro do Toulouse fez ao menos duas boas defesas e só não evitou a derrota de seu time porque o árbitro assinalou pênalti nos acréscimos do jogo. Fajr foi quem bateu e sacramentou o triunfo do Caen.

Gazeta Esportiva

TAGS