PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

D. Costa revela conversa ?olho no olho com Tite após cuspir em adversário

Douglas Costa está de volta à Seleção Brasileira. Ausente da última convocação, o atacante revelou nesta terça-feira que teve um papo sério com o técnico Tite devido ao ato reprovável que protagonizou no duelo entre Juventus e Sassuolo, pelo Campeonato Italiano, em setembro. Na ocasião, o atacante do time bianconeri foi expulso da partida graças [?]

15:15 | 13/11/2018

Douglas Costa está de volta à Seleção Brasileira. Ausente da última convocação, o atacante revelou nesta terça-feira que teve um papo sério com o técnico Tite devido ao ato reprovável que protagonizou no duelo entre Juventus e Sassuolo, pelo Campeonato Italiano, em setembro. Na ocasião, o atacante do time bianconeri foi expulso da partida graças ao auxílio do árbitro de vídeo depois de cuspir em Di Francesco, que supostamente teria proferido ofensas de cunho racista ao brasileiro.

?Sim, a gente conversou?, respondeu Douglas Costa ao ser questionado se o técnico Tite havia interferido no caso. ?Com o Tite sempre foi olho no olho, ele falou o que ele pensa, respeitei isso e pedi desculpas pelo que aconteceu na Itália. Realmente não fui feliz, estava fora de mim no momento. Em toda a minha carreira nunca cometi esse ato. Espero deixar isso no passado e continuar trabalhando?.

Por conta da agressão ao defensor adversário, Douglas Costa recebeu quatro jogos de suspensão no Campeonato Italiano. Não bastasse o gancho na Terra da Bota, o atacante brasileiro também ficou de fora da convocação do técnico Tite para os amistosos contra a Arábia Saudita e Argentina. À época, o próprio comandante do time canarinho admitiu que a ausência do jogador da Juventus tinha a ver com sua postura dentro de campo.

?Douglas Costa não veio por dois fatores: lesão e o ato de indisciplina. A prioridade agora é a Seleção, os que foram convocados. A conversa com ele será em um outro momento?, disse Tite.

Arrependido por conta de sua atitude, Douglas Costa espera voltar às manchetes dos noticiários esportivos, mas desta vez por conta do seu futebol, não por seu comportamento. O jogador, aliás, parece bem esclarecido em relação ao tema, mostrando maturidade e não se incomodando com as questões envolvendo o caso.

?Em qualquer lugar as pessoas me perguntam sobre isso, é um assunto que trato normalmente. Toda ação tem uma consequência, isso já está no passado e não vai acontecer mais. O clube [Juventus] conversou comigo, ninguém passou a mão na minha cabeça, porque errei, mas jamais fiz isso na minha carreira. Jogo no profissional há dez anos, agora é pensar para frente?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS