PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Treinador do Young Boys lamenta duelo contra a Juventus sem CR7

Desde que o Grupo H da Liga dos Campeões foi sorteado com Juventus e Manchester United estavam claros os favoritos. Depois, a chave ainda ganhou a presença do Valencia, o que deixou ainda mais pesada a missão do modesto Young Boys de tentar avançar. Nesta terça-feira, o time suíço terá pela frente a equipe italiana [?]

15:30 | 01/10/2018

Desde que o Grupo H da Liga dos Campeões foi sorteado com Juventus e Manchester United estavam claros os favoritos. Depois, a chave ainda ganhou a presença do Valencia, o que deixou ainda mais pesada a missão do modesto Young Boys de tentar avançar. Nesta terça-feira, o time suíço terá pela frente a equipe italiana desfalcada de sua principal estrela: Cristiano Ronaldo, algo que não é, nem de longe, comemorado.

Em entrevista coletiva antes do duelo em solo italiano, o treinador Gerardo Seoane assumiu que preferia enfrentar a Vecchia Signora com força máxima, ainda mais quando se trata da possibilidade de medir forças com Cristiano Ronaldo. Como justificativa, o comandante ainda acrescentou que a ausência será tranquilamente substituída pelo alto nível das peças da Juventus.

?Estamos tristes porque Cristiano Ronaldo não vai jogar. Seria melhor enfrentar a Juventus com ele em campo, mas se não joga Ronaldo estará outro campeão em seu lugar. A Juve tem ótimas alternativas para sanar o problema em qualquer posição, então nos resta fortalecer a preparação?, disse Seoane.

Estreante na Liga dos Campeões, o Young Boys iniciou sua trajetória na competição com uma derrota para o Manchester United e logo em seguida terá pela frente a Juventus. Questionado sobre o peso dos primeiros adversários do time na competição, o treinador alertou para a necessidade de 90 minutos perfeitos e sem erros.

?É a nossa primeira participação na Liga dos Campeões e sabemos que não podemos cometer erros. Temos de fazer uma boa exibição e tomar as decisões certas, tanto na defesa quanto no ataque. Claro que o adversário é importante e sabemos que teremos jogos muito difíceis?, finalizou Gerardo Seoane.

Gazeta Esportiva

TAGS