PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Miranda confia em cuidado com o corpo e se vê jogando no Catar em 2022

O zagueiro Miranda é, de longe o atleta mais velho da lista de convocados do técnico Tite para as partidas contra Arábia Saudita, na semana passada, e Argentina, nesta terça. Aos 34 anos, porém, o defensor acredita ser possível estar em alto nível na próxima Copa do Mundo, em 2022, no Catar, na base dos [?]

08:30 | 15/10/2018

O zagueiro Miranda é, de longe o atleta mais velho da lista de convocados do técnico Tite para as partidas contra Arábia Saudita, na semana passada, e Argentina, nesta terça. Aos 34 anos, porém, o defensor acredita ser possível estar em alto nível na próxima Copa do Mundo, em 2022, no Catar, na base dos cuidados com o corpo.

?Trabalho com nutricionista, fisiologista, hoje um jogador pode chegar em alto nível aos 38, 39 anos, pela evolução do futebol em todas as áreas. Esse é meu objetivo, jogar em alto nível enquanto estiver jogando?, disse o atleta da Inter de Milão.

Como o próximo Mundial será realizado apenas no final do ano, Miranda chegará à disputa com 38 anos. Além dele, Thiago Silva é outro que terá perto de 40 anos à altura do certame. O restante dos convocados recentes por Tite são, no mínimo, quatro anos mais novos.

?É importante essa chegada de novos jogadores, essa mescla de alguns remanescentes. Serve como aprendizado. Então acho que tendo em vista todos esses argumentos, no final o Tite vai decidir e esperamos que seja por quem estiver melhor, independentemente da idade?, observou, elogioso a Marquinhos, seu provável companheiro na terça-feira, em Jidá.

?O Marquinhos tem um talento muito grande, apesar de ser jovem. Joga competições e jogos importantes, é muito experiente. Nossa dupla (dá certo) porque conversamos bastante e nos entendemos em campo, ele lidera a defesa também, apesar da juventude, nosso entrosamento é muito bom e esperamos que continue assim?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS