PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Marcelo marca, Real Madrid vence na Liga dos Campeões e ameniza crise

O Real Madrid deu um basta na crise, pelo menos por enquanto. Nesta terça-feira, jogando no Santiago Bernabéu, a equipe venceu pelo placar de 2 a 1 a frágil equipe do Viktoria Plzen, da República Tcheca, e chegou a segunda vitória na Liga dos Campeões da Europa. Os gols da partida foram marcados por Benzema [?]

18:00 | 23/10/2018

O Real Madrid deu um basta na crise, pelo menos por enquanto. Nesta terça-feira, jogando no Santiago Bernabéu, a equipe venceu pelo placar de 2 a 1 a frágil equipe do Viktoria Plzen, da República Tcheca, e chegou a segunda vitória na Liga dos Campeões da Europa. Os gols da partida foram marcados por Benzema e Marcelo. Hrosovsky descontou.

Para se ter uma ideia, a equipe da capital espanhola não vencia há cinco jogos. A última vitória havia sido no dia 22 de setembro contra o Espanyol. Mesmo assim, o time comandado por Julen Lopetegui voltou a ter atuação ruim, saiu vaiado, e em nenhum momento, convenceu. Dessa forma, o comandante continua sendo pressionado, apesar dos três pontos. No banco de reservas durante todo o confronto, Vinícius Jr. Sequer entrou.

O clube da capital espanhola terá pela frente o Barcelona, no próximo domingo pelo Campeonato Espanhol às 12h15 (horário de Brasília), no Camp Nou. Pela Champions, os dois times voltarão a se enfrentar no dia 7 de novembro.

Real vence, mas não convence

Pressionando desde os primeiros minutos, Sergio Ramos quase abriu o placar para o Real Madrid, após cabeçada na trave. Porém, a equipe levou um susto do adversário após Petrzela receber pela esquerda, avançar até perto da linha de fundo e chutar, mas Navas defendeu bem.

Na resposta, os donos da casa saíram na frente. Lucas Vásquez recebeu da direita, levantou a cabeça e cruzou para Benzema cabecear para o fundo das redes, abrindo o marcador no Bernabéu.

Depois do tento, a partida acabou carecendo de grandes lances. Aos 30 minutos, os visitantes quase chegaram a igualdade. Petrzela recebeu, carregou e serviu Limbersky, que acabou perdendo uma chance clara para o Plzen. Os comandados de Lopetegui responderam praticamente na sequência com Benzema. Após contra-ataque, o camisa 9 fez um corte no zagueiro, mas bateu em cima do goleiro.

Querendo encaminhar a vitória ainda no primeiro tempo, o Real Madrid chegou a balançar as redes com Bale, que recebeu na frente e guardou. No entanto, o gol acabou sendo anulado pela arbitragem.

Antes do final da primeira etapa, Petrzela recebeu dentro da área, mas finalizou mal e perdeu um gol incrível. Assim, foi encerrado o primeiro tempo, com a maioria da torcida vaiando e muito o Real Madrid, que vencia, mas jogava mal.

Marcelo marca e Real Madrid define o confronto

No começo da etapa complementar, o cenário não parecia mudar. O Viktoria Plzen teve mais uma chance de empatar o duelo. Havel cruzou para Krmencik, que recebeu livre e tentou desviar, mas acabou desperdiçando. Na sequência, Bale tentou responder, mas isolou e mandou a bola longe do gol.

O time da República Tcheca acabou sofrendo com uma das máximas do futebol: quem não faz toma. Aos 11 minutos, Valverde, que havia acabado de entrar na vaga de Isco, encontrou Bale. O galês tocou de calcanhar para Marcelo, que entrou em diagonal, tocou na saída do goleiro e ampliou o marcador.

O segundo gol deu tranquilidade de vez ao Madrid, que administrava bem o resultado. Bale tentou marcar o terceiro, Hruska fez a defesa, e no rebote, Benzema empurrou para as redes, mas, mais uma vez, o gol acabou sendo anulado.

Aos 33 minutos, os visitantes descontaram e colocaram fogo no jogo. Hrosovsky recebeu boa bola, carregou e chutou na entrada área, diminuindo a conta. Para responder, Modric acionou Benzema, mas o atacante francês pegou mal na bola, e não matou a partida.

O drama aumentou nos instantes finais, pois Marcelo acabou sentindo dores no tornozelo. No entanto, o Real Madrid já havia feito as três alterações. Mesmo assim, o placar não se alterou, e a equipe da casa venceu por 2 a 1.

Com dois de Dzeko, Roma vence CSKA

Jogando no estádio Olímpico, na capital italiana, a Roma venceu sem sustos o CSKA por 3 a 0, e chegou a segunda colocação do Grupo G da Champions. Os gols da partida foram marcados pelo bósnio Dzeko,m duas vezes e Cengiz Under fechou a conta na etapa final. Vitória fundamental não apenas para a equipe, como também pata o técnico Eusebio Di Francesco, que vem sendo pressionado pelos resultados ruins, sobretudo no Campeonato Italiano.

Gazeta Esportiva

TAGS