PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Bahia e Furacão viram a chave e duelam pela Sul-americana

Atlético Paranaense e Bahia viraram a página do Campeonato Brasileiro e, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), duelam pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-americana, na Arena Fonte Nova, em Salvador. As duas equipes miram um título inédito e a vaga na Libertadores da América, além de prêmios para melhorar o [?]

20:15 | 23/10/2018

Atlético Paranaense e Bahia viraram a página do Campeonato Brasileiro e, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), duelam pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-americana, na Arena Fonte Nova, em Salvador. As duas equipes miram um título inédito e a vaga na Libertadores da América, além de prêmios para melhorar o cofre neste final de temporada.

Com uma campanha de reação muito forte no Brasileirão, contando especialmente com seus jogos em casa, o Furacão chega embalado. Como visitante, o insucesso na competição nacional não se repete no torneio, o que anima ainda mais na busca por vantagem em Salvador. O técnico Tiago Nunes deve contar com força máxima, promovendo apenas uma mudança natural no meio-campo, com a volta de Lucho González ao setor.

O atacante Pablo, em boa fase, prevê um confronto duro, mas confia na apresentação do Rubro-Negro, de preferência com bola na rede. ?Teremos um duelo dificílimo contra o Bahia. Eles também aproveitam bem o fator casa, mas neste primeiro jogo será importante trazer um bom resultado. Conseguimos fazer gols em todos os jogos fora de casa na Sul-Americana e isso é muito importante. Temos condições de continuar marcando gols, jogando de forma equilibrada para não sofrer, o que é fundamental?, analisou.

Pelo Bahia, o embalo vem depois de uma ótima vitória diante do Botafogo, no Rio de Janeiro, que aliviou a situação do Tricolor no Brasileirão. Agora, o técnico Enderson Moreira precisa avaliar quem terá a disposição para, mantendo a mesma base, formar o time que quer aproveitar o fator casa para sair em vantagem no confronto. O atacante Gilberto fez tratamento no joelho e será reavaliado. Com isso, aumenta a possibilidade da entrada de Edigar Junio, velho conhecido da torcida atleticana, no setor. O zagueiro Everson e o volante Elton, de volta aos treinos, ficam como opção.

FICHA TÉCNICA

BAHIA X ATLÉTICO PARANAENSE

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)

Data: 24 de outubro de 2018, quarta-feira

Horário: 21h45 (de Brasília)

Árbitro: Fernando Rapallini (Argentina)

Assistentes: Diego Bonfa (Argentina) e Gustavo Rossi (Argentina)

VAR: Gery Vargas (Bolívia), Nicolas Gallo (Colômbia) e Hernan Maidana (Argentina)

BAHIA: Douglas, Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Jackson e Léo; Gregore, Nilton, Ramires, Paulinho e Zé Rafael; Gilberto (Edigar Junio)

Técnico: Enderson Moreira

ATLÉTICO-PR: Santos; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno, Renan Lodi; Bruno Guimarães (Wellington), Lucho, Raphael Veiga; Marcelo, Nikão e Pablo.

Técnico: Tiago Nunes

Gazeta Esportiva

TAGS