Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Goleiro que Fortaleza tentou contratar brilha em final da Série C e garante título ao Operário-PR

Simão, de 25 anos, fez cinco defesa difíceis na partida
16:27 | Set. 24, 2018
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia
[FOTO1] Depois de empatarem por 3 a 3 na partida de ida da final da Série C do Campeonato Brasileiro, Operário-PR e Cuiabá precisavam vencer para garantir o título do torneio. Os paranaenses abriram o placar jogando na casa dos adversários já no segundo tempo, fazendo os anfitriões atacarem. Isso fez com que Simão, goleiro que Fortaleza tentou contratar no começo deste mês, tivesse uma atuação brilhante, defendendo bolas lances difíceis. 

A primeira defesa aconteceu aos 19 minutos do primeiro tempo, em uma cabeçada no canto direito. O goleiro precisou atuar com reflexos e se esticou para evitar o gol. A segunda foi nos acréscimos do primeiro tempo, em uma cabeçada de dentro da pequena área, em que Simão fez um movimento de abrir braços e pernas, como no handebol, e impediu que o Cuiabá abrisse o placar. 

Na etapa final, as defesas aconteceram em sequência. Logo aos 45 minutos, um chute de dentro da área obrigou o arqueiro a usar novamente do seu reflexo e cair para defender. Na continuação da jogada, um novo arremate próximo à pequena área aconteceu e Simão, bem colocado, evitou que a bola chegasse ao fundo das redes. Dois minutos depois, ele pulou em jogada acrobática numa cabeçada de último lance, no desespero pela igualdade.

Confira os lances da partida Cuiabá 0x1 Operário-PR:

[VIDEO1]

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags