PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Após voltar ao Bayern, Renato Sanches pode ir para o futebol turco

Além de ter feito poucas contratações para o início da temporada, o Bayern de Munique pode perder mais um jogador do seu atual elenco. Nesta semana,  o veículo turco Fanatik divulgou que o Fenerbahce está disposto a pagar 2.5 milhões de euros (R$ 10 milhões) pelo empréstimo de Renato Sanches, meia português que retornou do Swansea para ter [?]

11:15 | 24/08/2018

Além de ter feito poucas contratações para o início da temporada, o Bayern de Munique pode perder mais um jogador do seu atual elenco. Nesta semana,  o veículo turco Fanatik divulgou que o Fenerbahce está disposto a pagar 2.5 milhões de euros (R$ 10 milhões) pelo empréstimo de Renato Sanches, meia português que retornou do Swansea para ter uma nova oportunidade na equipe alemã.

No entanto, não há uma expectativa alta que a tentativa da equipe turca dê certo, ainda mais se levar em conta o que  Karl-Heinz Rummenigge, um dos principais nomes da diretoria bávara, comentou sobre o meia português no final do mês passado.

?O Renato vai ficar conosco nesta temporada. Queremos que tenha uma oportunidade com o Niko Kovac, que o colocou em grande forma e acreditamos que, se for bem treinado e orientado, pode jogar em alto nível aqui conosco. Desde sua volta, ele tem demonstrado estar bem fisicamente e psicologicamente e está buscando a todo custo uma oportunidade?, ressaltou o dirigente.

Contratado pelo Bayern de Munique em 2016, Renato Sanches teve pouco espaço na sua primeira temporada e o mau rendimento nas poucas aparições fez com que o jogador fosse emprestado ao Swansea. Curiosamente, o meia português foi desejado por diversos clubes grandes, entre eles o Manchester United, antes de acertar sua ida para o time alemão.

Na temporada passada, o Bayern reinou novamente no futebol local, com um excelente desempenho, principalmente no segundo turno do Campeonato Alemão. No entanto, o time bávaro caiu nas semifinais da Liga dos Campeões, algo frequente nas últimas temporadas, e perdeu na final da Copa da Alemanha para o Eintracht Frankfurt, ex-equipe do técnico Niko Kovac.

 

Gazeta Esportiva

TAGS