PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Alan Ruschel celebra recuperação: ?Queria honrar o pessoal que se foi?

Vítima e sobrevivente do acidente do avião da Chapecoense na Colômbia, em novembro de 2016, que matou 71 pessoas entre jornalistas, comissão técnica e jogadores, o lateral Alan Ruschel relembrou seus companheiros de equipe no mesmo dia do amistoso entre a Chape e o Torino, da Itália. Em entrevista coletiva, o jogador destacou a força [?]

18:30 | 01/08/2018

Vítima e sobrevivente do acidente do avião da Chapecoense na Colômbia, em novembro de 2016, que matou 71 pessoas entre jornalistas, comissão técnica e jogadores, o lateral Alan Ruschel relembrou seus companheiros de equipe no mesmo dia do amistoso entre a Chape e o Torino, da Itália.

Em entrevista coletiva, o jogador destacou a força que ?puxou de dentro? para continuar a jogar futebol e fez questão de mencionar o sentimento de honra ao entrar em campo.

?A minha força vem de dentro, da alma. Deus me deu uma segunda chance de viver e ainda mais: deu uma chance de eu fazer o que mais amo, que é jogar futebol. Quando saí do hospital, falei que queria honrar os familiares do pessoal que se foi da melhor maneira possível?, afirmou, antes de completar.

?Uma maneira de fazer isso é voltar a fazer aquilo que eles infelizmente acabaram morrendo fazendo, que é jogar futebol. Graças a Deus, depois de oito meses de recuperação, consegui voltar a jogar e consegui voltar a participar de um torneio em alto nível. Isso me deixa muito feliz?, finalizou.

Em Turim, o time reserva da Chapecoense perdeu para o Torino pelo placar de 2 a 0. Os gols da equipe italiana foram anotados por Meité e De Silvestri.

Gazeta Esportiva

TAGS