PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Walter é um dos trunfos do CSA para derrotar o Fortaleza

14:00 | 20/07/2018
NULL (Foto: )
NULL (Foto: )

[FOTO1] Relembrando outros momentos da carreira, Walter foi decisivo na última sexta-feira e, com gol e boa atuação, deu a vitória ao CSA diante do Sampaio Corrêa em partida válida pela 15ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O feito tem gosto especial para o técnico Marcelo Cabo, responsável por acreditar no atacante, com quem havia trabalhado no Atlético-GO em 2017, e levá-lo ao time alagoano nesta temporada.

O comandante concedeu entrevista ao Globoesporte.com nesta quarta-feira e muito falou a respeito do jogador, que, segundo ele, está colhendo os frutos após um intenso processo de evolução física e amadurecimento.

“O Walter tem apenas 28 anos e o mais legal é que, às vezes, você demora um pouquinho mais para amadurecer. E eu sinto que o Walter chegou neste amadurecimento”, apontou. “O esforço que o Walter fez é impressionante. Quando a gente testou ele no jogo contra o Figueirense, e viu que ele estava muito abaixo dos padrões mínimos para ter um rendimento, eu o chamei pessoalmente, porque eu ajo muito dessa maneira do olho no olho, e falei: “Walter, nós precisamos fazer um trabalho à parte com você e precisamos atingir uma meta”. A primeira coisa que ele me falou foi: “Concordo com o senhor. Pode fazer o que precisar, professor”, completou.

Muito em função disso que o camisa 18 não atuou em todas as rodadas desta Série B. Entrou em campo oito vezes, quatro como titular. No entanto, o empenho do atleta em melhorar sua condição física foi impressionante e não atoa está recuperando o bom futebol. Como recorda Marcelo Cabo, ele treinou em separado do elenco do Azulão durante três semanas, percorrendo 150 quilômetros e perdendo sete quilos.

“Ele sabe que ainda não é o ideal, mas tem um planejamento para a vida pessoal dele e, daqui para o ano que vem, vai melhorar assustadoramente. O CSA tem essa contribuição de o Walter voltar para o cenário nacional como protagonista. E o mais importante é que o ele também quer”, destacou.

Por fim, o técnico fez um agradecimento à diretoria do CSA, que confiou e acreditou no projeto com Walter. Segundo ele, o atacante continuará respondendo cada vez mais às expectativas criadas em torno de seu futebol e ainda dará muitas alegrias ao torcedor do clube.

“Trabalhar com o Walter é muito fácil. Primeiro como ser humano, um cara espetacular, ímpar neste sentido. Segundo, é um cara que sempre busca o desafio dos limites dele. Ele sabe que tem essa dificuldade e ele faz um esforço que vocês não têm ideia para render o que rendeu nesse último jogo. Eu conheço muito o Walter, fui eu quem o levei para o Atlético-GO e fui eu quem indiquei o Walter a vir porque eu sabia que o CSA ia ter um jogador diferenciado na questão técnica, de nível internacional, de seleção brasileira e de grandes clubes”, afirmou.

Pela Série B, o CSA volta a campo nesta sexta-feira, em duelo que vale a liderança do campeonato. Em confronto válido pela 16ª rodada, o Azulão, na segunda colocação com 28 pontos ganhos, recebe o líder Fortaleza, que tem 29. No Rei Pelé, uma vitória coloca o time comandado por Marcelo Cabo na ponta da tabela, que é ocupada pelo time cearense desde a primeira rodada da competição.


Gazeta Esportiva

TAGS