PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Claudinei confirma escalação e pede Sport ?cauteloso? contra Vitória

O Sport já está definido para enfrentar o Vitória na próxima quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Estádio Barradão, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na última atividade antes da viagem para Salvador, o treinador Claudinei Oliveira mudou a dinâmica do treinamento, surpreendeu e realizou um coletivo com o grupo, onde confirmou a escalação da [?]

12:30 | 25/07/2018

O Sport já está definido para enfrentar o Vitória na próxima quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Estádio Barradão, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Na última atividade antes da viagem para Salvador, o treinador Claudinei Oliveira mudou a dinâmica do treinamento, surpreendeu e realizou um coletivo com o grupo, onde confirmou a escalação da equipe, a mesma que atuou contra o Fluminense.

Durante a atividade, porém, a escalação que parecia certa quase se tornou uma incógnita por conta do lateral Sander, que deixou o gramado mais cedo devido a um corte na boca. Claudinei, porém, confirmou a presença do jogador em campo na próxima quinta-feira. Dessa forma, a equipe terá: Magrão; Raul, Léo Ortiz, Ronaldo Alves e Sander; Deivid, Fellipe Bastos e Gabriel; Michel Bastos, Rogério e Rafael Marques.

Após o treinamento, que durou cerca de 40 minutos e foi dividido em duas partes, o comandante concedeu entrevista onde pregou muito respeito ao Vitória, ressaltou a necessidade dos três pontos e pediu um Sport cauteloso jogando fora de casa.

?Sei que a cultura do Vitória é de pressionar nos primeiros minutos. Acredito que se a gente conseguir conservar o resultado ou abrir o marcador cedo eles podem ficar pressionados para buscar algo melhor. Em um primeiro momentio acho que vamos precisar ter muita cautela?, disse Claudinei, que confirmou a manutenção do time em relação ao último jogo.

?A gente deve manter a equipe, até porque é o time que fez um grande primeiro tempo. Então independente de um atleta ou outro não ter jogado tão bem, acho que a gente tem que dar crédito aos jogadores. Esperamos que eles possam reeditar o bom primeiro tempo durante os noventa minutos em Salvador?, completou.

Gazeta Esportiva

TAGS