PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Tévez ignora cumprimento de ex-River antes de jogo da Libertadores

Nesta quarta-feira, o Boca Juniors foi até a Colômbia para enfrentar o Junior Barranquilla, pela Copa Libertadores. Porém, nem mesmo a distância de Buenos Aires foi capaz de amenizar a rivalidade com o River Plate. Seguindo o protocolo, os jogadores foram se cumprimentar antes da bola rolar, mas o clima não foi tão amistoso entre [?]

12:15 | 03/05/2018

Nesta quarta-feira, o Boca Juniors foi até a Colômbia para enfrentar o Junior Barranquilla, pela Copa Libertadores. Porém, nem mesmo a distância de Buenos Aires foi capaz de amenizar a rivalidade com o River Plate. Seguindo o protocolo, os jogadores foram se cumprimentar antes da bola rolar, mas o clima não foi tão amistoso entre os atacantes Carlitos Tévez, do Boca, e Téo Gutiérrez, do Junior.

O colombiano, que defendeu o River Plate entre 2013 e 2015, foi completamente ignorado pelo argentino, que se recusou a cumprimentá-lo e acabou o deixando â??no vácuoâ??.

 

Como recordou o diário AS, Gutiérrez já esteve envolvido em algumas polêmicas envolvendo o Boca Juniors. Quando no River, o atacante sempre fez questão de acentuar a rivalidade entre os times e provocar os xeneizes. Na passagem pelo Rosario Central, chegou a fazer um gol na Bombonera e comemorar com um gesto em menção ao clube de Nuñez (usou a mão para simbolizar a tradicional faixa diagonal que estampa o uniforme do River).

Em campo, a partida terminou empatada por 1 a 1. Luis Carlos Ruiz abriu o placar para o Junior Barranquilla aos 33 minutos do primeiro tempo e teve a infelicidade, através de um gol contra, de empatar o jogo para o Boca aos seis da etapa final. Os colombianos são os segundos e os argentinos são os terceiros colocados do Grupo H, que conta com o Palmeiras como líder já classificado. A segunda vaga será decidida na última rodada.

Gazeta Esportiva

TAGS