PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Raí admite possíveis saídas de M. Guilherme e R. Caio do São Paulo

Marcos Guilherme e Rodrigo Caio estão cada vez mais próximos de deixar o São Paulo. O diretor-executivo de futebol Raí afirmou que o custo para manter o atacante no elenco é ?bastante alto? e que uma eventual proposta do exterior pelo zagueiro será estudada pelo clube do Morumbi. Emprestado pelo Atlético-PR até junho, Marcos Guilherme [?]

02:00 | 10/05/2018

Marcos Guilherme e Rodrigo Caio estão cada vez mais próximos de deixar o São Paulo. O diretor-executivo de futebol Raí afirmou que o custo para manter o atacante no elenco é ?bastante alto? e que uma eventual proposta do exterior pelo zagueiro será estudada pelo clube do Morumbi.

Emprestado pelo Atlético-PR até junho, Marcos Guilherme despertou recentemente os interesses de Flamengo e Corinthians. Se quiser contratá-lo em definitivo, o Tricolor terá de desembolsar 3 milhões de euros (cerca de R4 12,7 milhões), quantia considerada elevada pelo clube, que ainda tenta prorrogar o empréstimo.

?A gente está fazendo todos os esforços para tentar estender (o contrato), ver alguma maneira, ter um valor para aquisição, que foi definido bastante alto. Então, a gente vai tentar negociar e ver uma maneira de definir a situação dele?, afirmou Raí, na zona mista do Morumbi, após a vitória por 1 a 0 sobre o Rosario Central-ARG, pela primeira fase da Copa Sul-Americana.

Rodrigo Caio, por sua vez, já deixou claro que sua hora de sair do clube está chegando. Atuando como profissional desde 2011, o zagueiro afirmou em entrevista ao canal Espn que uma ?mudança de ares? lhe faria bem.

Nos últimos anos, ficou bem próximo de ser contratado por clubes europeus durante as janelas de transferências. Casos de Valencia-ESP, Zenit-RUS e, mais recentemente, Real Sociedad-ESP. De acordo com Raí, uma nova oferta no meio deste ano pode tirar o camisa 3 do Morumbi.

?O Rodrigo Caio é um jogador que tem uma história aqui e ela tem de ser respeitada, a gente sabe do amor que ele tem pelo São Paulo. Se tiver alguma proposta e houver o desejo, é claro que a gente vai estudar?, disse o dirigente.

?Ele está se manifestando, mas se isso também não acontecer, não vai ter nenhum problema caso ele continue. É um jogador de nível de Seleção, está há muitas temporadas como titular do São Paulo, natural que surjam oportunidades e a gente vai estudar junto?, concluiu.

O São Paulo também não desistiu de renovar com o polivalente Éder Militão, cujo contrato se encerra em 11 de janeiro ? o jogador, portanto, pode assinar com outro clube a partir de julho. O Tricolor estuda incluir algumas compensações no possível novo vínculo para segurar o atleta por mais tempo.

Gazeta Esportiva

TAGS