Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Previsão para Daniel Alves voltar a jogar futebol é de seis meses

O médico da Seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar, estipulou um prazo de seis meses para que Daniel Alves volte aos gramados após a lesão no ligamento cruzado do joelho direito que tirou o jogador da Copa do Mundo da Rússia. ?Seis meses?, disse Lasmar ao ser questionado por quanto tempo Daniel Alves ficaria fora de ação. [?]
16:30 | Mai. 11, 2018
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O médico da Seleção Brasileira, Rodrigo Lasmar, estipulou um prazo de seis meses para que Daniel Alves volte aos gramados após a lesão no ligamento cruzado do joelho direito que tirou o jogador da Copa do Mundo da Rússia.

?Seis meses?, disse Lasmar ao ser questionado por quanto tempo Daniel Alves ficaria fora de ação. ?A medicina não é como matemática. Será em torno de seis meses, pode demorar um pouco mais, um pouco menos?, completou.

O médico da Seleção Brasileira também assegurou que o procedimento cirúrgico ao qual Daniel Alves será submetido acontecerá em Paris, indicando que não terá qualquer participação e conjunto com o departamento médico do PSG, responsável pelo tratamento de seu lateral-direito.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

?A cirurgia provavelmente será realizada aqui em Paris, pelos médicos do PSG. Agora em relação à data, essa questão toda cirúrgica, vamos deixar a cargo do PSG definir com o jogador. Até porque isso não vai acontecer agora, vai acontecer dentro de um certo tempo. Precisamos ir com calma?, prosseguiu.

Por fim, ele revelou detalhes da conversa que teve com o jogador. Ao comunicar que Daniel Alves estaria fora da Copa do Mundo, Rodrigo Lasmar não omitiu o abalo do jogador mais experiente do elenco do técnico Tite, contudo, preferiu frisar sua reação após a notícia.

?Ele ficou muito chateado, é uma notícia pesada. Um jogador com a experiência que ele tem, às vésperas da Copa do Mundo? mas ele tem um equilíbrio, um emocional muito forte. Ele queria saber o que estava acontecendo com o seu corpo, queria saber o que era necessário para ele poder voltar a jogar em alto nível. Ele disse que quer olhar para frente, se recuperar o mais rápido possível para que ele possa jogar o mais breve possível pelo PSG e pela Seleção Brasileira?, concluiu.

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags