PUBLICIDADE
Futebol


Ex-clube de jogador do Ceará apresenta Iniesta como reforço

09:00 | 24/05/2018
NULL
NULL(Foto: )

[FOTO1] Um dos maiores ídolos da história do Barcelona, Andrés Iniesta tentará fazer história no futebol japonês. Isso porque, nesta quinta-feira, o jogador foi apresentado oficialmente como reforço do Vissel Kobe, equipe da primeira divisão do Japão. Ao lado de Hiroshi Mikitani, dono do clube e de um dos principais patrocinadores do clube catalão, o meia falou sobre a expectativa do novo desafio da sua carreira.

 

O Vissel é o ex-clube do meio-campista do Ceará, Wescley. Pela equipe japonesa, o jogador disputou 19 partidas em 2017, com saldo de nove vitórias, dois empates e oito derrotas. Ele não anotou gols no time asiático.

 

No início deste ano, com o acesso do Alvinegro à Série A do Campeonato Brasileiro, Wescley deixou o Vissel e acertou seu retorno à Porangabuçu, sede do time cearense. 

 

 

 

“Hoje é um dia muito especial para mim. Quero expressar a minha gratidão por confiarem em mim neste projeto. Tenho muita vontade de começar a trabalhar com os meus companheiros e trazer muitas alegrias para este time”, afirmou Iniesta durante a apresentação realizada em Tóquio.

 

Segundo a imprensa nipônica, Iniesta irá receber US$ 30 milhões (aproximadamente R$ 108 milhões) por ano. A expectativa é de que o atleta espanhol terá o seu primeiro contato com torcedores no estádio Kobe Wing, pouco antes do confronto diante do Yokohama Marinos, válido pela Copa da J-League.

 

O craque também aproveitou pela elogiar a cultura do país asiático. “Esperamos, eu e a minha família, adaptarmo-nos de forma rápida e aprender a cultura japonesa. Tenho muito respeito pelo futebol japonês e os jogadores que atuam aqui. Eles são muito inteligentes e com grande nível técnico. Tive a sorte de ter muitas propostas, mas o projeto apresentado pelo Kobe foi o que mais me interessou. A cultura japonesa também me parece espetacular”.

 

Pelo Barcelona, Iniesta foi um dos jogadores mais vitoriosos da história do clube. Revelado pelo próprio time catalão, o jogador conquistou impressionantes 38 títulos, entre eles nove Campeonatos Espanhóis e quatro Liga dos Campeões, torneio mais importante do continente europeu.


Gazeta Esportiva

TAGS