PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Edu Gaspar diz que CBF não irá revelar lista de suplentes

Tite leu nesta segunda-feira os nomes dos 23 jogadores convocados para defender a Seleção Brasileira na Copa do Mundo. O técnico, contudo, fez mistério e não revelou os 12 suplentes que disputarão o Mundial da Rússia em caso de lesões dos companheiros que integram a lista de 35 atletas, já enviada à Fifa e que [?]

16:45 | 14/05/2018

Tite leu nesta segunda-feira os nomes dos 23 jogadores convocados para defender a Seleção Brasileira na Copa do Mundo. O técnico, contudo, fez mistério e não revelou os 12 suplentes que disputarão o Mundial da Rússia em caso de lesões dos companheiros que integram a lista de 35 atletas, já enviada à Fifa e que poderá ser publicada somente com autorização da CBF.

No que depender de Edu Gaspar, coordenador de seleções da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a relação de 35 jogadores não será de conhecimento público. De acordo com o dirigente, o sigilo evitará questionamentos e polêmicas acerca da convocação.

?Não iremos (divulgar). Conversamos bastante sobre isso. A ideia era divulgar os 23 atletas. Os demais vão ficar na lista enviada à Fifa. Preferimos manter os nomes resguardados. Minha sugestão é que em cima dos 23 nomes já existem dúvidas e opiniões que são normais. Vou abrir outra possibilidade, com 35 nomes, de outras opiniões??, indagou Edu Gaspar, em entrevista ao canal Sportv.

?Os 23 já são suficientes para que a gente possa discutir bastante. Se for ampliar para 35, vai ficar pior do ponto de vista da organização. Vamos nos 23, discutir bastante, escutar bastante a opinião de vocês (jornalistas), e no restante vamos continuar dessa forma?, acrescentou.

A única exceção feita por Tite foi a revelação da presença do zagueiro Dedé, do Cruzeiro, na lista de suplentes. Cleber Xavier, auxiliar na Seleção, disse que o restante dos atletas pode nem ficar sabendo que estão entre os relacionados.

?A princípio, não (estão sabendo). Temos alguns assuntos a debater, sobre avisá-los ou não. A não ser que aconteça alguma coisa de lesão nos treinamentos, definimos focar nesses. A gente vai procurar levar desta maneira: fortalecer os 23 para manter a mesma lista?, afirmou Xavier.

A Seleção Brasileira iniciará a sua preparação para a estreia no Mundial com uma semana de treinamentos em Teresópolis, entre os dias 21 e 27 de maio. De lá, a delegação seguirá para a Inglaterra, onde fará amistoso contra a Croácia em 3 de junho. O último teste antes do Mundial será diante da Áustria, em Viena, no dia 10. No grupo E da principal competição do planeta, o Brasil de Tite enfrentará Suíça, Costa Rica e Sérvia.

Gazeta Esportiva

TAGS