PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

William sai irritado, mas Chelsea vence o Southamptom e vai para a decisão

O Manchester United já conhece o seu adversário da decisão da Copa da Inglaterra. Será o Chelsea, que neste domingo derrotou o Southampton por 2 a 0 no estádio Wembley e também garantiu a sua vaga na decisão do torneio da terra da rainha. Giroud, com um golaço, e Morata foram os responsáveis por garantir [?]

13:00 | 22/04/2018

O Manchester United já conhece o seu adversário da decisão da Copa da Inglaterra. Será o Chelsea, que neste domingo derrotou o Southampton por 2 a 0 no estádio Wembley e também garantiu a sua vaga na decisão do torneio da terra da rainha. Giroud, com um golaço, e Morata foram os responsáveis por garantir a classificação da equipe londrina.

Da mesma forma que os Diabos Vermelhos, a possível conquista do título da FA Cup pode representar a salvação da temporada dos Blues, principalmente para o treinador Antonio Conte. Com um futebol bastante inconsistente na temporada, a equipe não faz uma boa temporada e o treinador não parece contar com o prestígio junto aos jogadores.

No duelo de hoje, por exemplo, o treinador sacou o brasileiro William nos primeiros minutos da segunda etapa, fato que gerou a ira do meia. O jogador deixou explícita a sua irritação e preferiu nem ficar no banco e acabou indo direto para os vestiários.

A decisão da Copa da Inglaterra entre Chelsea e Manchester United acontece apenas no final do mês de maio, no dia 19. A partida, assim como as duas semifinais, acontece no lendário estádio Wembley,

O jogo ? Com maior posse de bola desde o primeiro minuto, o Chelsea pressionou o Southampton em busca do gol a todo o momento. No entanto apesar da pressão feita pela equipe londrina não conseguia render um gol, já que os arremates dos blues eram ruins.

A primeira jogada de perigo veio dos pés de William, O meia brasileiro conseguiu limpar bem a jogada dentro da área e finalizou bonito da entrada da área. A bola era indefensável para o goleiro, porém acabou explodindo na trave e indo direto pra fora logo aos sete minutos.

Aos 24 minutos, Hazard faz bela jogada individual pela ponta esquerda da área. O belga consegue chegar até a linha de fundo e cruza para trás para Giroud. A bola não veio tão boa e acabou batendo no joelho do centroavante, que dividia a jogada com a defesa do Southampton e finalizou para fora.

Aos 38 minutos, o centroavante francês teve uma nova chance de marcar. Após belo lançamento de Fábregas, o camisa 9 tentou de calcanhar e a bola acabou subindo. Na segunda tentativa, Giroud tentou um voleio e a bola acabou passando perto da trave esquerda do gol.

Se na primeira etapa o Chelsea foi melhor porém não conseguiu traduzir a superioridade em gol, na segunda etapa isso foi rapidamente resolvido. Após menos de trinta segundos de bola rolando, Hazard rola para Giroud dentro da área. O francês limpa a jogada duas vezes, deixando quatro o jogadores e o goleiro no chão e apenas toca para o gol livre, abrindo o placar com um golaço.

Aos 18 minutos, Antonio Conte saca Willian e coloca Bakayoko no jogo. A substituição irritou o brasileiro, que nem sentou no banco e já foi direto para o vestiário.

Aos 26 minutos, Redmond arriscou de fora da área, a bola chegou a desviar na defesa do Chelsea, porém Caballero conseguiu se esticar e fazer uma linda defesa. A reposta dos londrinos veio no minuto seguinte, com Hazard finalizando de fora exigindo uma boa defesa de McCarthy.

 

O Chelsea voltou a pressionar o adversários e aos 35 minutos, Azplicueta cruzou bonito e encontrou Morata dentro da área. O atacante espanhol subiu mais que o seu defensor e testou bonito, para baixo, sem chances para o goleiro, que nada pôde fazer.

Nos minutos finais, o Southampton até que tentou pressionar os londrinos para tentar colocar fogo no jogo. Após boa jogada pela esquerda, a bola veio cruzada para Austin, que se antecipou a defesa e finalizou a bola na trave, por pouco não diminuindo o marcador.

 

Gazeta Esportiva

TAGS