PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Régis mira estreia pelo São Paulo e fim de tabu contra o Atlético-PR

Com a documentação regularizada, o lateral direito Régis pode estrear pelo São Paulo nesta quarta-feira, contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, pela Copa do Brasil. Destaque do São Bento no Campeonato Paulista, o camisa 33 se diz adaptado ao novo clube e se coloca à disposição do técnico Diego Aguirre para ajudar em Curitiba. [?]

13:15 | 01/04/2018

Com a documentação regularizada, o lateral direito Régis pode estrear pelo São Paulo nesta quarta-feira, contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, pela Copa do Brasil. Destaque do São Bento no Campeonato Paulista, o camisa 33 se diz adaptado ao novo clube e se coloca à disposição do técnico Diego Aguirre para ajudar em Curitiba.

Aos 28 anos, Régis chamou atenção da diretoria tricolor pela regularidade no Paulistão, mas sobretudo pelas atuações contra o próprio São Paulo, na primeira rodada, em que deu assistência para o primeiro gol na vitória por 2 a 0 do time de Sorocaba, e diante do Corinthians, em Itaquera, onde o São Bento venceu por 1 a 0.

?Fiz um bom campeonato pelo São Bento, e agora quero mostrar o meu futebol aqui. Estou mais confiante e pronto para estrear caso o Aguirre queira. Esta primeira etapa de trabalho foi bastante proveitosa, já estou mais adaptado e pronto para ajudar os meus novos companheiros?, assegurou o jogador, que prosseguiu.

?Estes dias de adaptação foram importante, porque conheci melhor o clube, tive a oportunidade de aprender com o trabalho do Aguirre e observar melhor os meus novos companheiros. Tem sido muito produtivo, já conheço a característica de cada um e faço um balanço positivo deste período?, acrescentou o ala, que efetuou 22 roubadas de bola em 11 partidas no Paulista.

Embora esteja apto a estrear, Régis deve começar a partida no banco de reservas, com Éder Militão de titular na lateral direita. De qualquer forma, o reforço tricolor espera que a equipe supere o péssimo retrospecto na Arena da Baixada, onde jamais venceu ? desde a inauguração do estádio, em 1999, foram 12 derrotas e cinco empates.

?Será um jogo difícil, um novo desafio para a nossa equipe, mas precisamos quebrar o tabu na Arena da Baixada para trazer a vantagem. E se eu tiver a oportunidade de jogar, darei o meu melhor para começar bem a minha trajetória no clube. Vamos com tudo em busca da classificação?, concluiu.

O primeiro encontro será realizado nesta quarta-feira, a partir das 21h45 (de Brasília), na casa do Furacão. Já o segundo confronto está marcado para o dia 19, às 19h15, no Morumbi.

Gazeta Esportiva

TAGS