Participamos do

Ex-jogador de Mourinho, De Bruyne garante pouco contato com técnico

O meia Kevin De Bruyne tem a chance de se sagrar campeão inglês pelo Manchester City no próximo sábado, quando sua equipe recebe o Manchester United no Etihad Stadium. Para o belga, a partida também marcará seu reencontro com o ex-técnico, José Mourinho, que o comandou nos tempos de Chelsea, mas, segundo o próprio jogador, [?]
17:00 | Abr. 05, 2018
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O meia Kevin De Bruyne tem a chance de se sagrar campeão inglês pelo Manchester City no próximo sábado, quando sua equipe recebe o Manchester United no Etihad Stadium. Para o belga, a partida também marcará seu reencontro com o ex-técnico, José Mourinho, que o comandou nos tempos de Chelsea, mas, segundo o próprio jogador, conversaram somente duas vezes durante todo o período que trabalharam juntos.

De Bruyne foi contratado pelo Chelsea em 2012, quando Roberto Di Matteo ainda era o treinador da equipe. O jovem foi empresado ao Werder Bremen e, quando voltou a Londres, José Mourinho havia assumido o time. Sob o comando do português, ele fez apenas nove jogos e acabou retornando para o clube alemão, desta vez em definitivo.

?Eu diria que distante?, afirmou De Bruyne quando questionado qual era a sua relação com José Mourinho nos tempos de Chelsea, em entrevista à emissora britânica BBC. ?Não sou uma pessoa que conversa muito com os treinadores?.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

?Acho que se um treinador quer conversar com você, então você conversa com ele. Ele é o chefe. Eles podem ser bons uns com os outros, mas ainda assim há uma distância entre um treinador e o jogador?, prosseguiu o meia belga.

?Falei com ele [Mourinho] apenas duas vezes, quando eu decidi sair para ir a Dortmund no começo do verão, e no segundo encontro eu apenas falei: ?Para mim, é melhor ir, quero jogar futebol??, concluiu.

Basta uma vitória ao Manchester City para se sagrar campeão inglês de maneira antecipada. Restando apenas sete jogos para o fim da competição, a equipe do Pep Guardiola pode fazer história ao erguer a taça justamente contra seu maior rival, no Derby de Manchester, em casa.

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags