PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Ederson pega pênalti, City ganha do Arsenal e abre 16 pontos para o United

Apenas após quatro dias do confronto que consagrou o Manchester City campeão da Copa da Liga da Inglesa, a equipe de Pep Guardiola voltou a enfrentar o Arsenal, desta vez, no Emirates Stadium e em partida válida pelo encerramento da 28ª rodada do Campeonato Inglês. Com finalizações cirúrgicas, os visitantes abriram 3 a 0 logo no [?]

18:45 | 01/03/2018

Apenas após quatro dias do confronto que consagrou o Manchester City campeão da Copa da Liga da Inglesa, a equipe de Pep Guardiola voltou a enfrentar o Arsenal, desta vez, no Emirates Stadium e em partida válida pelo encerramento da 28ª rodada do Campeonato Inglês. Com finalizações cirúrgicas, os visitantes abriram 3 a 0 logo no primeiro tempo, através de Sané, Bernardo Silva e David Silva. No segundo tempo, o Arsenal voltou melhor e teve a oportunidade de diminuir com Aubameyang de pênalti, porém, o brasileiro Ederson pegou. Os dois times pouco fizeram ofensivamente no restante da partida, que acabou em 3 a 0 para os Citizens.

Com o resultado, o Manchester City alcançou os 75 pontos e abriu 16 para o vice-líder Manchester United. Já o Arsenal continua com 45 pontos, na sexta colocação, e deve focar suas atenções na Liga Europa, onde enfrenta o Milan pelas oitavas de final.

Os Citizens voltam aos campos no próximo domingo para enfrentar o Chelsea, de Antonio Conte, no Etihad Stadium, às 13h (de Brasília). Já os Gunners visitan o Brighton, no Falmer Stadium, na mesma data, porém, um pouco mais cedo, às 10h30.

O Jogo

O Manchester City, como de costume, era quem tomava conta da posse de bola. O Arsenal recuava sua linha de defesa e buscava valorizar a posse, quando a tinha. A primeira chegada perigosa foi da equipe de Arsene Wenger. Ramsey recebeu na ponta direita da área e cruzou rasteiro, a bola bateu em Kompany e Ederson ficou com ela. Na continuação do lance, o troco veio. Aguero recebeu enfiada de bola e, já sem ângulo, bateu forte na rede pelo lado de fora.

Aos 14, a superioridade do City surtiu efeito. Sané recebeu na intermediária esquerda do ataque, veio levando para o centro e passou para Bernardo Silva, que, já dentro da área, puxou para a perna esquerda e bateu colocado no ângulo de Petr Cech, que nada pôde fazer: 1 a 0 citizens.

Após sair atrás, o Arsenal melhorou na partida. Aos 22, Bellerín cruzou para Ramsey chutar de prima e obrigar Ederson a fazer boa defesa. Depois de cinco minutos, o City respondeu, e com grande estilo. Em uma ótima troca de passes, Sané encontrou Aguero, que passou para David Silva bater na saída de Cech e ampliar a vantagem.

Após ter participação importante nos dois primeiros gols, foi a vez de Sané deixar o dele. Aguero puxou contra-ataque, tocou para Bernardo Silva, que cruzou para o alemão apenas rolar a bola no contra-pé do goleiro. Até esse momento, o City havia finalizado cinco vezes, e três acabaram em gol.

Antes do término da etapa inicial, os visitantes ainda chegaram com Aguero. De Bruyne cruzou e o argentino finalizou para ótima defesa do arqueiro. Com a vitória de 3 a 0 no primeiro tempo, a equipe de Guardiola derrubou outro tabu: o Arsenal nunca havia tomada três gols, na etapa inicial, dentro de sua casa na era ?moderna? do Campeonato Inglês.

O Arsenal começou o segundo tempo indo para cima do City. Logo aos cinco minutos, Otamendi derrubou Mkhitaryan  dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Aubameyang bateu no canto esquerdo do brasileiro Ederson, que pulou para espalmar a bola.

Aos 13, Aubameyang teve outra chance. Em cruzamento de Ramsey, o atacante bateu de primeira, mas sem pontaria. A equipe de Wenger era quem mais tomava as rédeas da partida até os 20 minutos, quando o City equilibrou e começou a manter a posse de bola novamente, porém, não era tão incisiva e intensa como no primeiro tempo.

A primeira chegada de real perigo do City foi apenas aos 32 minutos da etapa final. Aguero recebeu bola enfiada, avançou e bateu cruzado para Cech espalmar.

Com a vitória garantida, os visitantes pouco tentaram no segundo tempo. O Arsenal, sentindo o placar imposto na etapa inicial, pouco produziu ofensivamente. A partida acabou em 3 a 0 para o time de Guardiola.

Confira os outros da resultados da 28ª rodada do Campeonato Inglês:

Leicester 1×1 Stoke

Bournemouth 2×2 Newcastle

Brighton 4×1 Swansea

Burnley 1×1 Southampton

Liverpool 4×1 West Ham

West Brom 1×2 Huddersfield

Watford 1×0 Everton

Manchester United 2×1 Chelsea

Crystal Palace 0x1 Tottenham

 

Gazeta Esportiva

TAGS