PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Bolívia perde amistoso marcado por três expulsões

Bolívia e Curaçao fizeram um amistoso violento na noite dessa segunda-feira. Apesar das duas seleções não terem qualquer pretensão a curto prazo e estarem fora da Copa do Mundo da Rússia, o confronto no estádio Ergilio Hato, em Willemstad, cidade de Curação, foi marcado por três expulsões e um gol, este marcado pelos donos da [?]

23:30 | 26/03/2018

Bolívia e Curaçao fizeram um amistoso violento na noite dessa segunda-feira. Apesar das duas seleções não terem qualquer pretensão a curto prazo e estarem fora da Copa do Mundo da Rússia, o confronto no estádio Ergilio Hato, em Willemstad, cidade de Curação, foi marcado por três expulsões e um gol, este marcado pelos donos da casa, que ficaram com a vitória por 1 a 0.

O primeiro jogador a receber cartão vermelho foi Antonia, de Curação, aos nove minutos do segundo tempo, depois de uma primeira etapa muito truculenta e de poucas chances de gol.

No mesmo lance, o árbitro também expulsou Bejarano e deixou as duas equipes com dez jogadores em campo. A igualdade durou apenas cinco minutos. Pedraza recebeu o cartão vermelho ao cometer pênalti, que Bacuna não desperdiçou.

Dessa forma, Curaçao segurou a vitória diante de seus torcedores e a Bolívia, penúltima colocada nas Eliminatórias Sul-Americanas para o Mundial da Rússia, teve de voltar para casa com o sabor amargo na boca.

Gazeta Esportiva

TAGS