PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Aguirre comanda 1º treino no Tricolor sem pistas à imprensa

Diego Aguirre deu início ao seu trabalho no São Paulo, de fato, nesta sexta-feira, dia do seu primeiro treino à frente do elenco tricolor. O treinador uruguaio, que permitiu que os jornalistas acompanhassem apenas o início das atividades, atrasou em 20 minutos o começo do treinamento e tudo indica que o novo comandante teve uma [?]

17:15 | 16/03/2018

Diego Aguirre deu início ao seu trabalho no São Paulo, de fato, nesta sexta-feira, dia do seu primeiro treino à frente do elenco tricolor. O treinador uruguaio, que permitiu que os jornalistas acompanhassem apenas o início das atividades, atrasou em 20 minutos o começo do treinamento e tudo indica que o novo comandante teve uma séria conversa inicial com os atletas, prestes a disputarem o primeiro jogo das quartas de final do Campeonato Paulista.

Com apenas um dia para tentar fazer com que a equipe corresponda às suas expectativas, Diego Aguirre não deverá fazer grandes mudanças em relação ao time que venceu o CRB na última quarta-feira por 3 a 0, pela Copa do Brasil. Apenas o setor defensivo e o homem de área do São Paulo são as dúvidas que giram em torno da equipe que visita o São Caetano neste sábado, no Anacleto Campanella.

Anderson Martins, titular em Maceió, não foi a campo nesta sexta, permanecendo no Reffis. Já no ataque, Tréllez não está garantido entre os 11 iniciais, uma vez que não teve um bom desempenho contra o CRB e chegou a perder algumas oportunidades importantes no decorrer da partida. Desta forma, Brenner e Diego Souza podem ganhar uma chance de Diego Aguirre.

O treino desta sexta-feira também contou com algumas novidades. Sidão e Reinaldo voltaram ao gramado pela primeira vez após suas contusões. Embora o lateral-esquerdo tenha garantido aos jornalistas que está 100%, a tendência é que Júnior Tavares siga no setor, enquanto Edimar, outra opção, segue lesionado. Jean também deve permanecer como titular na meta tricolor, já que ainda falta ritmo a Sidão.

Vindo de duas vitórias consecutivas e seis gols marcados, o São Paulo vai para o ABC muito mais confiante e com a esperança de seguir amenizando a pressão que cerca o clube neste início de temporada. Como o São Caetano integrou o mesmo grupo que o Tricolor na primeira fase do Paulista, as equipes ainda não se enfrentaram no torneio e uma derrota para o Azulão pode fazer Diego Aguirre já começar sua trajetória no Morumbi da mesma maneira que Dorival Jr passou a maior parte de seu tempo no clube: repleto de cobranças.

Gazeta Esportiva

TAGS