select ds_midia_link from midia where cd_midia = limit 1
Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Valdívia entende vaias e cita pressão no São Paulo: ?Aqui é muito maior?

O São Paulo deixou o campo vaiado após a derrota para o Santos, no último domingo, no Morumbi. De acordo com o meia-atacante Valdívia, a torcida esteve no seu direito de criticar o time, que amargou o seu segundo revés em dois clássicos no ano ? antes, havia perdido para o Corinthians, no Pacaembu. ?A [?]
16:15 | Fev. 19, 2018
Autor -
Foto do autor
- Autor
Tipo Notícia

O São Paulo deixou o campo vaiado após a derrota para o Santos, no último domingo, no Morumbi. De acordo com o meia-atacante Valdívia, a torcida esteve no seu direito de criticar o time, que amargou o seu segundo revés em dois clássicos no ano ? antes, havia perdido para o Corinthians, no Pacaembu.

?A torcida cantou o tempo todo, eles têm esse privilégio de nos apoiar até o final e, se o resultado não veio, acho certo vaiar. Nossa equipe tentou, mas a torcida vaiando depois do jogo não acho ruim, não?, opinou o camisa 21, na zona mista do estádio.

No San-São, o Tricolor dominou as ações ofensivas do primeiro tempo e exigiu boas defesas do goleiro Vanderlei. Na etapa complementar, no entanto, uma falha na marcação de Gabigol culminou no único gol da partida, feito após chute de fora da área.

Acionado no lugar de Marcos Guilherme durante o segundo tempo, Valdívia lamentou o revés. ?É ruim perder, né. Ainda mais que jogamos muito bem, nossa equipe sempre em cima, em busca do gol?, afirmou, antes de citar o que o São Paulo precisa fazer para melhorar.

?É ser mais eficiente na hora do ataque, o último passe. Eles, recuados, procurando uma bola, conseguiram no segundo tempo fazer o gol. Nossa equipe foi muito bem, é melhorando a cada jogo. Tem jogo na quarta-feira, tentar ir bem para poder aliviar um pouco?, projetou, referindo-se ao duelo com o Ituano, no interior.

Ao disputar apenas a sua segunda partida pelo clube, Valdívia já sentiu o peso de vestir a camisa tricolor. ?A pressão aqui é muito maior do que nas equipes por onde passei. O São Paulo é um clube muito grande. Quando perde, sempre vai ter a pressão. É procurar jogar bem, vencer os jogos. Mas mesmo com vitória vai ter a pressão. É ter a cabeça no lugar para poder ir bem nos jogos?, diagnosticou.

Com dez pontos ganhos, agora empatado com a Ponte Preta, o São Paulo ocupa o primeiro lugar do Grupo A do Campeonato Paulista. O time dirigido por Dorival Júnior, contudo, lidera a chave por ter uma vitória a mais em relação à equipe campineira (3 a 2).

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Covid: com 45,37% das UTIs ocupadas, Ceará mantém queda há quase dois meses

INTERNAÇÃO
2021-07-31 20:10:00
Autor Ana Rute Ramires
Foto do autor
Ana Rute Ramires Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

Ceará mantém tendência de queda na ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19 há quase dois meses. Redução na demanda pode ser registrada a partir da segunda semana de junho. Esta semana, Estado chegou ao menor patamar, com 44,67% na terça-feira, 27. Neste sábado, 31, plataforma IntegraSUS registra segunda menor taxa desde o início da pandemia (45,37%).

A oferta atual é de 454 leitos para pacientes com a infecção, conforme atualização feita às 18h04min. Os leitos destinados para adultos apresentam ocupação de 45,21%. No caso das UTIs para gestantes, 66,67% estão preenchidas. Os leitos pediátricos tem índice de 60,71% e os específicos para recém nascidos, 18,75%.

No caso das enfermarias, ocupação é de 25,63%. Nesses leitos, a tendência de queda na demanda se mantém há mais de dois meses, iniciada ainda no final de maio. Acompanhamento indica ainda que oito pacientes estão internados em Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

LEIA TAMBÉM | Covid-19: Ceará pode não atingir meta de vacinar adultos até agosto por falta de doses

Na região de saúde de Fortaleza, taxa de ocupação sobre para 50,89%. Demanda por leitos é menor nas outras regiões: Sobral (43,8%), Sertão Central (46,67%), Cariri (39,55%). Não há informações sobre leitos na região de Litoral Leste/Jaguaribe. 

Conforme regulação estadual de pacientes, 23 pacientes aguardam por transferência. Sendo 18 deles para enfermarias e cinco para UTIs. 


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Covid-19: em 24 horas, Brasil registra 910 mortes

Saúde
2021-07-31 20:07:00
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O total de vidas perdidas para a Covid-19 subiu para 556.370. Em 24 horas, foram confirmadas 910 mortes em decorrência da doença. Já a soma de pessoas com confirmação da infecção desde o início da pandemia foi para 19.917855. Entre essa sexta-feira, 30, e este sábado, 31, as autoridades de saúde registraram 37.582 novos casos da doença. 

Ainda há 741.943 casos em acompanhamento. O dado se refere a pessoas cuja condição de saúde é observada por equipes de saúde e que ainda podem evoluir para diferentes quadros, inclusive graves. O número de pessoas que se recuperaram da covid-19 chegou a 18.619.542

Os dados estão na atualização diária sobre a pandemia do Ministério da Saúde, divulgada pela pasta neste sábado. O balanço reúne os registros levantados pelas secretarias estaduais de saúde sobre casos e mortes relacionados à Covid-19.

Estados

No topo do ranking de mortes por estado estão São Paulo (138.996), Rio de Janeiro (59.269), Minas Gerais (50.461), Paraná (35.233) e Rio Grande do Sul (33.334). Os estados com menos mortes são Acre (1.799), Roraima (1.855), Amapá (1.907), Tocantins (3.512) e Alagoas (5.809).

Vacinação

O Brasil chegou a 100 milhões de pessoas imunizadas ao menos com a primeira dose da vacina contra a Covid-19. De acordo com o Ministério da Saúde, mais de 62% da população já recebeu ao menos uma dose.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Ceará e Fortaleza fazem primeiro Clássico-Rei da Série A de 2021

Vovô x Leão
2021-07-31 20:03:00
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

O encontro será no palco habitual, em horário pouco usual e em condição inédita. A partir das 20h30min deste domingo, 1º, Ceará e Fortaleza se enfrentam pela sexta vez na atual temporada para realizar o primeiro Clássico-Rei da Série A de 2021, em duelo válido pela 14ª rodada.

Em alta, os arquirrivais estaduais figuram juntos na primeira página da classificação — ou seja, entre os dez primeiros colocados. As campanhas positivas na elite nacional atraem os holofotes para o principal embate local.

Mandante do duelo, o Alvinegro ocupa a sétima posição, com 19 pontos, e defende invencibilidade de nove jogos consecutivos, com seis empates e três triunfos. Terceiro colocado, com 27 pontos, o Tricolor venceu os últimos quatro jogos do Brasileirão e chega embalado pelo resultado positivo sobre o CRB-AL, pela Copa do Brasil.

As equipes também se destacam em outros quesitos: o Leão tem a melhor defesa, com nove gols sofridos, e o quinto ataque mais positivo, com 21 tentos marcados — empatado com o Athletico-PR —, enquanto o Vovô é dono da sexta defesa menos vazada — ao lado de Fluminense-RJ e Palmeiras-SP, com 12 gols tomados —, enquanto o ataque é o nono melhor, com 14 tentos a favor.

Apesar do mistério tradicional antes de um clássico, Guto Ferreira e Juan Pablo Vojvoda já têm os respectivos times-base e devem promover mudanças para a partida. Os comandantes contam com retorno de titulares, que podem ser peças importantes para desequilibrar o embate.

No Ceará, o lateral-direito Buiú, o volante Marlon e o atacante Mendoza estão liberados após suspensões e devem reaparecer na equipe. A exemplo do colombiano, o lateral Gabriel Dias também teve a pena convertida pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e pode ser opção no banco de reservas.

No Fortaleza, Marcelo Benevenuto volta a ficar à disposição após ser ausência contra o CRB-AL e Matheus Vargas também deve retornar entre os titulares depois de ser preservado. Além da dupla, o goleiro Felipe Alves e o centroavante Wellington Paulista brigam por posição com Marcelo Boeck e Robson, respectivamente, e podem ser escolhidos para a formação inicial.

Ceará x Fortaleza

Ceará
4-2-3-1: Richard; Buiú, Messias, Gabriel Lacerda (Luiz Otávio) e Bruno Pacheco; Fernando Sobral e Marlon; Lima, Jorginho e Mendoza. Cléber. Técnico: Guto Ferreira

Fortaleza
3-5-2: Marcelo Boeck (Felipe Alves); Tinga, Benevenuto e Titi; Yago Pikachu, Felipe, Éderson, Matheus Vargas e Lucas Crispim; Robson (Wellington Paulista) e David. Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Local: Arena Castelão, em Fortaleza/CE
Data: 1º/8/2021
Horário: 20h30min (horário de Fortaleza)
Árbitro: Denis da Silva Ribeiro Serafim/AL
Assistentes: Esdras Mariano de Lima Albuquerque/AL e Brigida Cirilo Ferreira/AL
VAR: Rafael Traci/SC
Transmissão: TNT, Premiere, Rádio O POVO CBN e Tempo Real O POVO

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Após causar mal-estar no PSDB por encontro com Lula, FHC diz que votará em Doria

POLÍTICA
2021-07-31 20:02:10
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) declarou neste sábado, 31, que pretende votar em João Doria (PSDB) para presidente nas eleições 2022.
A declaração foi registrada em vídeo divulgado pela equipe do governador paulista neste sábado, 31, e acontece semanas depois de um mal-estar causado pelo ex-presidente por causa de um encontro com Luiz Inácio Lula da Silva (PT), também presidenciável. FHC chegou a afirmar que votaria em Lula num eventual segundo turno entre o petista e Jair Bolsonaro (sem partido).
"Ele é candidato à Presidência e tem meu voto", diz FHC apontando para Doria no vídeo que circula nas redes sociais neste sábado. Além do governador, FHC aparece acompanhado dos presidentes de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, e do ex-presidente Michel Temer, na reabertura do Museu da Língua Portuguesa, neste sábado em São Paulo.
O encontro entre FHC e Lula rendeu críticas públicas de tucanos como Aécio Neves, Orlando Morando e do presidente da legenda, Bruno Araújo. Doria não se manifestou, mas aliados do governador disseram ao Estadão que ele ficou aborrecido ao saber do encontro. "Reafirmo, para evitar más interpretações: PSDB deve lançar candidato e o apoiarei; se não o levarmos ao segundo turno, neste caso não apoiarei o atual mandante, mas quem a ele se oponha, mesmo o Lula", afirmou FHC após a repercussão de seu encontro com Lula.
A disputa pelo posto de candidato à Presidência pelo partido em 2022 tem quatro nomes: Doria, o governador gaúcho Eduardo Leite, ambos em campanha para as prévias tucanas e, além deles, o senador Tasso Jereissati (CE) e o ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio (AM).
Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Série D: Guarany segue no G-4, Caucaia sai da lanterna e Atlético-CE mantém quinto lugar

SÉRIE D
2021-07-31 20:02:00
Autor Mateus Moura
Foto do autor
Mateus Moura Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

As equipes cearenses finalizaram a nona rodada da Série D do Campeonato Brasileiro neste sábado, 31, com uma vitória, um empate e uma derrota. No grupo A3, o Atlético Cearense foi derrotado e está fora da zona de classificação para a segunda fase, com 11 pontos. Também no grupo A3, o Caucaia venceu após três derrotas seguidas e saiu da lanterna. Pelo grupo A2, o Guarany de Sobral empatou e segue no G-4.

O Atlético Cearense poderia ter se firmado no G-4 do grupo A3 da Série D, mas o revés por 3 a 0 diante do Campinense-PB, neste sábado, 31, no estádio Amigão, Campina Grande-PB, em confronto direto pela zona de classificação, deixou a equipe comandada pelo treinador Raimundo Wágner na quinta colocação, com 11 pontos, um a menos que o Treze-PB, quarto colocado. Na próxima rodada, o Atlético enfrenta o América-RN, sábado, 7/8, às 15 horas, no estádio Domingão, Horizonte-CE.

Após três rodadas seguidas sofrendo derrotas, o Caucaia venceu o Sousa-PB, por 1 a 0, e saiu da última colocação do grupo A3. Com 8 pontos, a Raposa abriu 2 pontos de vantagem para o Central, novo lanterna. Na próxima rodada, a equipe comandada pelo treinador Sergivaldo Cobel irá enfrentar o ABC-RN, domingo, 8/8, às 18 horas, no estádio Frasqueirão, Natal-RN.

O Guarany de Sobral continua firme no G-4 do grupo A2. O Cacique do Vale se manteve na segunda posição, com 16 pontos, após o empate por 1 a 1 contra o Imperatriz-MA. O Rubro-Negro enfrenta o líder 4 de Julho-PI, que soma 17 pontos, em confronto direto pelo topo da tabela, no sábado, 7/8, às 16 horas, na Arena Ytacoatiara, Piripiri-PI.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags