PUBLICIDADE
Futebol

Olympique e Saint-Etienne empatam em jogo emocionante

Nesta sexta-feira, Saint-Etienne e Olympique de Marseille abriram a 25ª rodada do Campeonato Francês em grande estilo. Mesmo em posições opostas na tabela, as equipes fizeram jogo equilibrado que terminou com empate por 2 a 2. Os dois times foram a campo buscando a vitória, mas por objetivos diferentes. Os três pontos manteriam a equipe [?]

19:00 | 09/02/2018

Nesta sexta-feira, Saint-Etienne e Olympique de Marseille abriram a 25ª rodada do Campeonato Francês em grande estilo. Mesmo em posições opostas na tabela, as equipes fizeram jogo equilibrado que terminou com empate por 2 a 2.

Os dois times foram a campo buscando a vitória, mas por objetivos diferentes. Os três pontos manteriam a equipe visitante embalada na perseguição ao líder Paris Saint-Germain. Já para os mandantes, a vitória afastaria o maior campeão francês da zona de rebaixamento. No entanto, ninguém deixou o campo vitorioso.

Com o empate, o Marseille foi a 52 pontos no campeonato e se mantém, ao menos por enquanto, na vice-liderança. Já o Saint-Etienne vai a 30 pontos e continua na 12ª posição do Francês.

O jogo ? Sob neve, Marseille precisou de apenas quatro minutos para inaugurar o placar. Quem assinou o primeiro gol da partida foi o artilheiro Thauvin, que recebeu cruzamento de Sakai na área e acertou um belo voleio. O goleiro Ruffier só pôde olhar a bola entrando rente à trave.

Mas o gol no início não abalou os donos da casa, que igualaram o marcador aos dez minutos. Após falha da marcação marselhesa, o meia Monnet-Paquet ficou livre na área e chutou rasteiro, por baixo do goleiro Mandanda, para empatar a partida em 1 a 1.

Mas o empate durou por pouco tempo. O Marseille voltou a marcar aos 20 minutos, desta vez com Sanson. O meia recebeu cruzamento de Anguissa e chutou de voleio para colocar os visitantes novamente na frente.

Após o terceiro gol, a partida perdeu em emoção, mas continuou equilibrada, com o time da casa buscando o gol de empate. O Saint-Etienne quase empatou nos acréscimos, mas o zagueiro Rolando impediu o gol de Hamouma nos acréscimos.

De volta ao campo, o time da casa teve boa chance para empatar logo no terceiro minuto da segunda etapa. O atacante Hamouma recebeu cruzamento rasteiro de Paquet na área, mas chutou por cima do gol defendido por Yohann Pelé, que substituiu Mandanda ao final do primeiro tempo.

Em desvantagem, os mandantes precisavam atacar para chegar ao menos ao empate. No entanto, a pressão dos marselheses neutralizava as jogadas ofensivas da equipe da casa e ainda levava perigo ao gol de Ruffier.

Tentando melhorar o setor ofensivo, o técnico do Saint-Etienne colocou em campo o atacante Beric, aos 25 minutos. A alteração deu resultado pouco depois, aos 30 minutos, quando Beric aproveitou falha de Pelé em cruzamento para marcar de peito.

A equipe de Marselha teve grande chance de voltar à frente aos 40 minutos. Após bate-rebate na área, o grego Mitroglou dominou livre de marcação na pequena área, mas finalizou por cima da meta. Um verdadeiro presente para os adversários.

No último lance, o goleiro Ruffier salvou a pele do time da casa. Thauvin, autor do primeiro gol, chutou com categoria da grande área, mas o arqueiro demonstrou reflexo e elasticidade para decretar o empate por 2 a 2 no apito final.

Gazeta Esportiva

TAGS