PUBLICIDADE
Futebol


Ainda sem vencer no Moisés Lucarelli, Ponte treina para reverter situação

A Ponte Preta é a segunda colocada do grupo B do Campeonato Paulista, com sete pontos. O time de Eduardo Baptista também passou para a segunda fase da Copa do Brasil após empate sem gols contra o Nacional-AM. No entanto, no Moisés Lucarelli, em Campinas, ainda não possui vitórias pelo estadual. No treino desta sexta-feira, [?]

12:30 | 09/02/2018

A Ponte Preta é a segunda colocada do grupo B do Campeonato Paulista, com sete pontos. O time de Eduardo Baptista também passou para a segunda fase da Copa do Brasil após empate sem gols contra o Nacional-AM. No entanto, no Moisés Lucarelli, em Campinas, ainda não possui vitórias pelo estadual.

No treino desta sexta-feira, preparação para o jogo contra o Novorizontino pela sexta rodada do Paulistão, o zagueiro Renan Fonseca reforçou a importância de triunfar dentro de casa e também que todos os atletas visam esse objetivo. ?Conheço bastante aqui, sei como é jogar a favor e contra a Ponte no Majestoso. Realmente é muito difícil, e na estreia eu disse no vestiário que temos que criar uma identidade aqui dentro. Os times que vierem jogar aqui tem que sentir isso, mas infelizmente não conseguimos os resultados?, disse o atleta ao site oficial do clube. ?É um começo de trabalho, cabe a nós reverter essa situação, ajustar algumas coisas, para que tenhamos êxito como está sendo fora de casa?.

A viagem a Manaus, para o jogo contra o Nacional, foi bastante cansativa, mas o zagueiro afirmou que eles precisam estar preparados para isso. ?Estamos acostumados a jogar direto e fazer viagens. É uma viagem um pouco atípica, uma logística complicada, mas temos que estar preparados para todos os tipos de situação. Vamos nos recuperar, para nesse sábado estarmos na melhor condição física possível?.

Renan Fonseca tem conquistado uma boa sequência de jogos pela Macaca, somando seis partidas. Em 2017, ele atuou em apenas dez delas o ano todo. Para conquistar as vitórias em casa, ele afirmou que estão trabalhando muito para chegar lá o mais rápido possível. ?Temos uma equipe organizada, um padrão, mas precisamos ajustar algumas coisas. Como um todo iremos melhorar, e evoluir na questão de passes, finalizações e contra-ataques?.

 

 

Gazeta Esportiva

TAGS