PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Em recesso, Valverde fala sobre Dembelé, Paulinho e esquema de jogo

Em meio ao hiato de fim de ano, o técnico do Barcelona, Ernesto Valverde, concedeu entrevista à assessoria do próprio clube. O espanhol que passou pelos primeiros seis meses à frente do clube catalão falou sobre o momento do time, o retorno previstos de Dembelelé, o estilo de jogo da equipe, entre outros tópicos que [?]

06:30 | 02/01/2018

Em meio ao hiato de fim de ano, o técnico do Barcelona, Ernesto Valverde, concedeu entrevista à assessoria do próprio clube. O espanhol que passou pelos primeiros seis meses à frente do clube catalão falou sobre o momento do time, o retorno previstos de Dembelelé, o estilo de jogo da equipe, entre outros tópicos que rondam o líder do Campeonato Espanhol.

O técnico falou de comparações com outros timescomentando sobre a equipe que tem em mãos. ?A primeira coisa, os jogadores, cada equipe é diferente, os jogadores, a dinâmica de grupo são diferentes. Há um nível de qualidade e um estilo de jogo que deve ser constantemente encorajado. É uma boa indicação de que é melhor fazer algo e eles já viram isso, então eu tenho que ir com um pouco de calma. Esta é uma equipe muito competitiva, eles estão ganhando, jogadores tremendamente competitivos e isso é evidente no treinamento e os jogos, é uma equipe muito responsável com o que tem que fazer.?

Sobre estatísticas da temporada até o momento: ?Elas impressionam, mas preferimos analisar o jogo e os resultados estão caindo. Isso diz muito sobre a capacidade de recuperação que tivemos que superar as adversidades que encontramos?

Dembelé ainda não teve chance de jogar, e Valverde revela que ficou satisfeito com as opções que tinha para seu lugar: ?Qualquer jogador do Barça tem características diferentes e ele precisa se adaptar, nós tínhamos jogadores de perfil semelhante, sua lesão foi mais uma dificuldade. Nós temos jogadores para substituí-lo e acho que nós fizemos bem, no momento em que foi um duro golpe, especialmente. Ele é jovem e podia haver alguma tensão para a adaptação?

Com a entrada de Dembelé, o técnico fala sobre seu esquema de jogo com o jogador: ?Vamos valorizá-lo, levando em conta os cargos ocupados por Leo, Luis ? temos que nos adaptar, sabemos que Messi pode jogar em qualquer lugar, mas queremos colocá-lo de tal forma que ele canalize nosso ataque.

Comentou um pouco sobre seu estilo de montar o time em campo: ?Nós tentamos ter um equilíbrio, quando temos a bola, todos estamos atacando e quando não a temos, somos todas as defesas, é um pouco como o basquete, a sensação de que atacamos todos e que defendemos todos juntos é bom, gera um bom espírito de equipe?

O técnico também falou sobre o brasileiro Paulinho, que se adaptou bem ao time e tem tido boas atuações nos primeiros meses vestindo a camisa do Barcelona: ?Estou muito feliz por ele. Quando ele chegou, quando estávamos envolvidos naquela aura de pessimismo, ele parecia estar errado. Ele é um jogador incrível, com muita fé, ele acompanha o jogo e tem um bom relacionamento com Messi e Luis nos últimos metros. para áreas onde não há ninguém ?.

Por fim, sobre o mercado, foi curto na sua declaração: ?Estamos abertos a melhorar a equipe, como todos os outros, tanto quanto possível, vamos fazê-lo?

Gazeta Esportiva

TAGS