Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Com novo contrato, Messi terá renda anual superior a R$ 300 milhões

Dinheiro realmente não é um problema para Lionel Messi. Eleito o melhor jogador do mundo em cinco oportunidades, o craque do Barcelona terá receitas anuais superiores a 100 milhões de euros (R$ 390 milhões), considerando salários e direitos de imagem, conforme divulgado nesta sexta-feira por um grupo de meios de comunicação chamado European Investigation Collaborations [?]
19:15 | Jan. 12, 2018
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Dinheiro realmente não é um problema para Lionel Messi. Eleito o melhor jogador do mundo em cinco oportunidades, o craque do Barcelona terá receitas anuais superiores a 100 milhões de euros (R$ 390 milhões), considerando salários e direitos de imagem, conforme divulgado nesta sexta-feira por um grupo de meios de comunicação chamado European Investigation Collaborations [ECI)].

A grande quantia que o meia argentino começará a arrecadar se dá por conta da assinatura de seu novo contrato com o clube catalão. Messi fechou um novo acordo com o Barcelona em novembro do ano passado. Já a documentação que o ECI teve acesso é de junho, o que leva a crer que o jogador aceitou a proposta ou então ela foi melhorada para que a negociação se concretizasse.

Com contrato até o meio do ano de 2021, Lionel Messi receberá neste período 70 milhões de euros (R$ 273 milhões), verba correspondente a 85% de seu salário e 15% de seu direito de imagem. Além disso, o craque argentino receberá um bônus pela assinatura do contrato, as chamadas ?luvas?, de 63,5 milhões de euros (R$ 247,6 milhões). O mar de dinheiro não para por aqui. Por sua lealdade ao clube catalão, o camisa 10 também contará com outros 70 milhões de euros, estes apenas em caso de cumprimento do vínculo.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags