PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Com a sorte ao lado, Arsenal bate Chelsea e vai à final da Copa da Liga

Nesta quarta-feira, o Arsenal manteve vivo o sonho de conquistar um título na temporada. A equipe de Arsene Wenger recebeu o rival Chelsea no jogo de volta da Copa da Liga Inglesa e venceu por 2 a 1. Como o primeiro jogo terminou em empate sem gols, o Arsenal se tornou o segundo finalista da [?]

19:15 | 24/01/2018

Nesta quarta-feira, o Arsenal manteve vivo o sonho de conquistar um título na temporada. A equipe de Arsene Wenger recebeu o rival Chelsea no jogo de volta da Copa da Liga Inglesa e venceu por 2 a 1. Como o primeiro jogo terminou em empate sem gols, o Arsenal se tornou o segundo finalista da copa. Na final, que acontece em fevereiro, os Gunners enfrentam o poderoso Manchester City, melhor equipe do futebol inglês na temporada, que bateu o Bristol City na outra semifinal.

Em campo, as equipes fizeram um jogo equilibrado, com chances para ambos os lados. Os visitantes saíram na frente com o belga Hazard, mas sofreram o empate pouco depois, em gol inusitado. No segundo tempo, o Arsenal jogou melhor, desempatou a partida e resistiu à pressão do Chelsea.

O jogo ? Mesmo jogando fora de casa, o Chelsea não perdeu tempo e abriu o placar logo aos sete minutos. O craque recebeu de Pedro na entrada da área e só teve de tirar de Ospina para marcar o primeiro gol do confronto.

Em desvantagem, o Arsenal teve de atacar e empatou pouco depois, mas de maneira inusitada. Com 14 minutos, após escanteio, Nacho Monreal cabeceou. A bola bateu na cabeça de Marcos Alonso, na cabeça de Rudiger e entrou no gol do confundido Caballero. A jogada de pinball foi registrada como gol contra do zagueiro Rudiger.

Após o empate, o jogo perdeu em intensidade. Aos 29 minutos, Willian, que levou perigo em chute de fora da área aos 20, saiu com dores na coxa direita. Em seu lugar, o meia Barkley, contratado junto ao Everton no começo de janeiro, fez sua estreia pelo Chelsea.

Nos acréscimos do primeiro tempo, Ozil chegou perto de desempatar para o Arsenal. O meia alemão recebeu de Wilshere e arriscou para o gol. O chute foi desviado por Christensen e enganou o goleiro Caballero, mas foi para fora do gol.

Já no segundo tempo, o Arsenal novamente contou com a sorte para virar a partida. Com 15 minutos de jogo, na lateral da área, Lacazette tentou passe para trás, mas a bola desviou em Rudiger e sobrou para Xhaka na pequena área. O suíço se esticou para empurrar para o gol, deixando os Gunners em vantagem.

Mais uma vez, aos 30 minutos, o Arsenal chegou perto de marcar. Mas desta vez, Caballero manteve o Chelsea vivo no jogo. Iwobi recebeu de Ozil na entrada da área e chutou rasteiro, mas o goleiro fez boa defesa com os pés.

Nos últimos minutos da partida, o Chelsea buscou o gol a todo custo e abandonou a defesa. Já o Arsenal não se preocupou em atacar e apenas protegia o gol e a classificação. Nesse ataque contra defesa, levou a melhor a defesa do Arsenal, que não cedeu à pressão dos Blues e manteve o placar em 2 a 1.

Gazeta Esportiva

TAGS