PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Napoli decepciona em casa e fica no zero contra a Fiorentina

O Napoli recebeu a Fiorentina neste domingo, no Estádio San Paolo, pela rodada de número 16 do Campeonato Italiano. Depois de um fraco primeiro tempo, os donos da casa impuseram seu ritmo de jogo no segundo mas, perdendo chances claras, não saíram do zero no placar. O resultado é frustrante para os napolitanos, que deixaram [?]

13:15 | 10/12/2017

O Napoli recebeu a Fiorentina neste domingo, no Estádio San Paolo, pela rodada de número 16 do Campeonato Italiano. Depois de um fraco primeiro tempo, os donos da casa impuseram seu ritmo de jogo no segundo mas, perdendo chances claras, não saíram do zero no placar.

O resultado é frustrante para os napolitanos, que deixaram escapar a oportunidade de reassumir a ponta da tabela após o empate entre Juve e Inter, no confronto dos líderes. Os celestes ficam na segunda colocação, com 39 pontos ganhos, um a mais que a equipe de Turim e um a menos que a de Milão. Já a Fiore, por sua vez, continua na sétima posição, agora com 22 pontos, cinco a menos que a Sampdoria, primeira dentro da zona de classificação às competições europeias.

O Jogo ? O primeiro tempo foi marcado por um forte equilíbrio entre as equipes. O Napoli manteve a posse de bola na maior parte do tempo, mas não conseguiu convertê-la em gols e lances de perigo. A Fiorentina marcava de maneira intensa, apostando em contra-ataques rápidos para surpreender os mandantes.

E foi por meio dos contra-golpes da Viola que surgiram os melhores momentos da partida. Aos 11 minutos, Simeone teve um gol anulado por impedimento, gerando muitas reclamações por parte dos visitantes. Aos 16, Benassi recebeu na intermediária e soltou o pé, obrigando o goleiro Pepe Reina a fazer ótima defesa no canto esquerdo.

Os napolitanos rondaram a área da Fiorentina em diversos momentos, mas não concluíram as jogadas. O goleiro Sportiello mostrou bastante segurança quando foi exigido, interceptando cruzamentos na maior parte das vezes.

Os visitantes quase abriram o placar, em duas oportunidades antes do intervalo. Na primeira, Simeone invadiu a área e bateu firme, cruzado. Reina estava bem colocado e rebateu a finalização. Na segunda, o atacante, livre na área, aproveitou cruzamento da esquerda e testou pro gol. Porém, a finalização não saiu como deveria, e o goleiro do Napoli agarrou com tranquilidade, parado no meio.

Já na etapa final, logo aos dois minutos, Zielinski perdeu uma ótima chance para o time da casa. O polonês recebeu passe cirúrgico de Allan em profundidade e saiu na cara de Sportiello. Mesmo em plena condição de finalizar a jogada, o atacante bateu mal e a bola subiu demais.

Mudando a postura em relação aos primeiros 45 minutos, os napolitanos cresceram e passaram a pressionar os visitantes. Zielinski voltou a aparecer aos 10 minutos, acionado pela esquerda. Dentro da área, o jogador bateu firme, mas com pouca precisão. O goleiro da Fiore fez a defesa e a bola ainda bateu na trave antes de sair para escanteio.

Aos 13, Allan fez boa jogada pela direita e rolou para trás. Callejon fez o corta-luz e Hamsik chegou batendo da entrada da área. Buscando o ângulo direito, a redonda passou raspando a trave de Sportiello, que viu a rede de seu gol balançar pelo lado de fora.

A Viola já não oferecia o mesmo risco nos contra-ataques como no primeiro período e as ações foram totalmente dominadas pelos mandantes, que fizeram uma verdadeira blitz pelo gol da vitória. Aos 26, Mertens desperdiçou a melhor oportunidade, Napoli no jogo. O atacante recebeu na área, completamente sozinho, mas bateu em cima do arqueiro rival.

Mesmo pressionando até o final, o Napoli não conseguiu balançar a rede da Fiorentina e teve de se contentar com o empate em zero a zero no San Paolo.

 

 

 

Gazeta Esportiva

TAGS