PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

São Paulo encara pedreira da Argentina na estreia da Copa Sul-Americana

O São Paulo conheceu na noite dessa quarta-feira seu adversário de estreia na Copa Sul-Americana de 2018. O sorteio realizado na cidade de Luque, no Paraguai, colocou o Rosario Central no caminho do Tricolor Paulista. A equipe dirigida por Dorival Júnior jogará o primeiro confronto na Argentina e definirá a classificação em casa, no Morumbi. [?]

21:00 | 20/12/2017

O São Paulo conheceu na noite dessa quarta-feira seu adversário de estreia na Copa Sul-Americana de 2018. O sorteio realizado na cidade de Luque, no Paraguai, colocou o Rosario Central no caminho do Tricolor Paulista. A equipe dirigida por Dorival Júnior jogará o primeiro confronto na Argentina e definirá a classificação em casa, no Morumbi. As datas dos duelos ainda não foram confirmadas, mas a Conmebol já antecipou que a primeira rodada será disputada a partir de 14 de fevereiro.

Depois de lutar contra o rebaixamento durante praticamente todo o Campeonato Brasileiro, a vaga à Copa Sul-Americana acabou sendo recebida como um prêmio ao São Paulo, que na verdade sonha em voltar à Copa Libertadores da América.

Nessa temporada, a equipe do Morumbi acabou sofrendo um dos maiores vexames de sua história justamente durante a disputa da Copa Sul-Americana. Diante de seus torcedores, o Tricolor foi eliminado logo na primeira fase pelo modesto Defensa y Justicia, considerado praticamente um time de bairro na Argentina.

Por outro lado, em 2012 o São Paulo acabou com um jejum de quatro anos sem títulos ao conquistar o troféu da competição do segundo escalão continental contra os argentinos Tigre, em jogo que ficou marcado pela despedida de Lucas Moura e também pela briga entre os jogadores dentro dos túneis de acesso aos vestiários, que culminou com a não realização do segundo tempo. De lá para cá, os são-paulinos não comemoraram mais nenhum título.

A Copa Sul-Americana de 2018 terá, além do São Paulo, outros cinco clubes brasileiros: Atlético-MG, Botafogo, Atlético-PR, Bahia e Fluminense. Entre os estrangeiros, destaques para os argentinos do San Lorenzo, Lanús e Rosario Central, os colombianos do Independiente Medellín, América de Cali e Deportivo Cali, e os equatorianos do Barcelona de Guayaquil e LDU.

Os confrontos da segunda fase serão definidos em um novo sorteio feito pela Conmebol com as equipes classificadas na fase anterior, além de 10 clubes que migrarão da Copa Libertadores da América (os dois melhores entre os perdedores da fase prévia, e os oito terceiros colocados na fase de grupos). Vale lembrar que não há sorteio dirigido, ou seja, qualquer duelo é possível, inclusive entre times do mesmo país.

Confira os confrontos dos brasileiros na Copa Sul-Americana:

*os clubes à esquerda iniciam os confrontos em casa.

Rosario Central x São Paulo

San Lorenzo x Atlético-MG

Atlético-PR x Newell?s Old Boys (ARG)

Blooming (BOL) x Bahia

Audax Italiano (CHI) x Botafogo

Fluminense x Bolívia 4 (a definir)

Gazeta Esportiva

TAGS