PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Com gol no início, Lazio supera Fiorentina e avança na Copa Itália

Nesta terça-feira, a Lazio se sagrou uma das quatro equipes finalistas da Copa Itália. Jogando no Olímpico de Roma, os comandados de Simone Inzaghi foram pouco exigidos defensivamente e com um gol aos seis minutos do primeiro tempo marcado por Lulic, venceram a Fiorentina por 1 a 0. Com o triunfo na fase de quartas [?]

19:15 | 26/12/2017

Nesta terça-feira, a Lazio se sagrou uma das quatro equipes finalistas da Copa Itália. Jogando no Olímpico de Roma, os comandados de Simone Inzaghi foram pouco exigidos defensivamente e com um gol aos seis minutos do primeiro tempo marcado por Lulic, venceram a Fiorentina por 1 a 0.

Com o triunfo na fase de quartas de final, a equipe da capital italiana aguarda o vencedor do duelo entre Internazionale e Milan para decidir uma vaga na final. Os dois rivais locais se enfrentam nesta quarta-feira, às 17h45 (de Brasília) para definir o outro semifinalista.

Depois de uma sequência de seis jogos sem perder no italiano, a Fiorentina fez um primeiro tempo muito abaixo e foi completamente dominada pela Lazio. Apesar da pressão nos 45 minutos finais, encurralando o time da casa no campo defensivo, poucas chances claras de gol foram criadas e o placar não foi revertido.

O JOGO

Os primeiros 45 minutos foram de superioridade total da Lazio. Depois de abrir o placar logo nos primeiros minutos, os comandados de Simone Inzaghi mantiveram o controle do jogo, atuando de forma segura na marcação e dando poucos espaços ao time da Fiorentina, que esteve mais perto de sofrer o segundo gol que de empatar o duelo decisivo por uma vaga na semifinal.

Depois de um chute de Milinkovic que passou acima da meta de Dragowski, a Lazio chegou ao seu gol no segundo lance ofensivo. Aos seis minutos, novamente o meio-campista autor da primeira chance foi decisivo, para colocar Lulic em plenas condições de marcar após um passe em diagonal. O atacante ainda teve a frieza para cortar o zagueiro da jogada e bater colocado, tirando do goleiro adversário.

Com a vantagem no placar, a Lazio conteve o ímpeto ofensivo e controlou o duelo, apostando nas transições ofensivas rápidas, muitas delas puxadas por Felipe Anderson, com passagem pelo Santos. Entretanto, as conclusões mais perigosas vinham com Caicedo, que perdeu chances claras de ampliar a vantagem.

Aos 38, já com Immobile em campo, que entrou no lugar de Caicedo, lesionado, Lulic perdeu mais uma grande oportunidade. Depois de mais uma jogada iniciado por Felipe Anderson, o atacante italiano fez um dueto efetivo com o autor do gol, mas o chute rasteiro saiu sem muita força e Dragowski defendeu com os pés.

Na volta do intervalo, a Lazio perdeu a efetividade ofensiva que trouxe boas oportunidades na primeira etapa. Com o resultado parcial, Simone Inzaghi recuou o time e teve de superar a pressão da Fiorentina, que, apesar da vontade, teve muitos erros de passe e pouco assustou o arqueiro Strakosha,

A primeira chance clara de gol da Viola veio aos 20 minutos. Após cobrança de escanteio, Chiesa conseguiu aproveitar um grande arremate, mas parou na defesa providencial do goleiro da Lazio. A resposta do time da casa veio apenas aos 35, depois de uma jogada individual de Lulic. O capitão tirou os defensores da jogada e ficou frente a frente com Dragowski, que defendeu.

Nos minutos finais, o zagueiro Vitor Hugo, ex-Palmeiras, teve a chance de empatar a partida. Relembrando seus gols na época no Alviverde, o defensor subiu mais alto que todos na cobrança de escanteio, mas o cabeceio saiu sem direção.

 

Gazeta Esportiva

TAGS