PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Nikão é punido, mas Furacão recorre e consegue efeito suspensivo

O meia Nikão foi julgado pela Segunda Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) devido à expulsão na partida contra o São Paulo, válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro e pegou cinco jogos de suspensão. O atleta foi denunciado no artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que versa sobre agressão [?]

19:30 | 01/11/2017

O meia Nikão foi julgado pela Segunda Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) devido à expulsão na partida contra o São Paulo, válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro e pegou cinco jogos de suspensão. O atleta foi denunciado no artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que versa sobre agressão física.

O departamento jurídico do Atlético Paranaense recorreu da decisão e obteve efeito suspensivo parcial à decisão. Pelo artigo 147-B, §1º, no CBJB, após o cumprimento da penalidade por dois jogos, atribui-se efeito suspensivo naquilo que excede este número de partidas até o julgamento pelo Tribunal Pleno do STJD.

Com isso, Nikão não estará em campo neste final de semana, quando o Furacão encara o Cruzeiro, no Mineirão, em Belo Horizonte. Porém, caso não haja um novo julgamento até o dia 08 de novembro, o jogador poderá encarar o Corinthians, na Arena da Baixada.

Gazeta Esportiva

TAGS