Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Porto vence em casa e pode ampliar vantagem na liderança do Português

O Porto venceu e pode terminar a 11ª rodada do Campeonato Português com uma vantagem ainda melhor em relação aos aspirantes. Neste sábado, o Dragão recebeu o Belenenses e venceu por 2 a 0. Os gols foram anotados por Héctor Herrera e Vincente Aboubakar. Com o triunfo, os portenses chegaram a 31 pontos, cinco à [?]
19:45 | Nov. 04, 2017
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Porto venceu e pode terminar a 11ª rodada do Campeonato Português com uma vantagem ainda melhor em relação aos aspirantes. Neste sábado, o Dragão recebeu o Belenenses e venceu por 2 a 0. Os gols foram anotados por Héctor Herrera e Vincente Aboubakar.

Com o triunfo, os portenses chegaram a 31 pontos, cinco à frente do Sporting e oito a mais que o Benfica, que ainda não atuaram em campo pela rodada e jogam neste domingo. Já o Belenenses perdeu uma boa chance de arrancar pontos de um dos grandes times de Portugal e se manteve no sétimo lugar da tabela, com 16 pontos.

Pela próxima rodada, o Porto tentará manter a série invicta na competição, visitando o Clube Desportivo das Aves, no dia 25 de novembro. No mesmo dia, o Belenenses terá a oportunidade de atuar como mandante diante do Chaves.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O jogo ? Apesar de estar atuando de sua torcida, os portenses tiveram dificuldades no início do jogo e não conseguiram transformar a posse de bola em jogadas claras de marcar. Somente quando a partida se aproximava do intervalo que os donos da casa conseguiram desequilibrar e movimentar as coisas no estádio do Dragão.

Aos 42 minutos, o meia mexicano Héctor Herrera aproveitou uma sobra após cobrança de escanteio para pegar de primeira, de perna esquerda. A bola chegou pingando, no canto esquerdo de Muriel, e o goleiro não conseguiu fazer a defesa, apesar de encostar nela.

No segundo tempo, as coisas não foram muito diferentes. O Porto não conseguiu se animar com o gol e seguia tendo problemas para criar as jogadas, enquanto os visitantes mantinham seu time na defesa e falhavam ao tentar empatar a partida no contra-ataque.

O desfecho, inclusive, foi o mesmo da primeira etapa, com os mandantes marcando no finalzinho. Aos 45 minutos, o centroavante camaronês Vincent Aboubakar aproveitou contra-ataque rápido, tocou para Herrera, recebeu de volta e mandou por cima de Muriel.

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags