PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Paysandu se despede da Curuzu com vitória sobre o rebaixado Santa Cruz

O Paysandu alegrou a sua torcida no último jogo da Série B do Campeonato Brasileiro que a Curuzu recebeu. Na tarde deste sábado, diante do já rebaixado Santa Cruz, o time paraense contou com três gols do artilheiro Bergson e um de Fábio Matos para vencer por 4 a 2. Augusto e Marcílio descontaram. O [?]

18:30 | 18/11/2017

O Paysandu alegrou a sua torcida no último jogo da Série B do Campeonato Brasileiro que a Curuzu recebeu. Na tarde deste sábado, diante do já rebaixado Santa Cruz, o time paraense contou com três gols do artilheiro Bergson e um de Fábio Matos para vencer por 4 a 2. Augusto e Marcílio descontaram.

O resultado positivo deixou o Paysandu com 48 pontos ganhos, no meio da tabela de classificação. O Santa Cruz permaneceu com 34, campanha superior somente à do rival Náutico, que computa 32.

A Série B terminará para o Santa Cruz já na terça-feira, quando os comandados de Adriano Teixeira receberão o Juventude no Arruda. Já o Paysandu voltará a entrar em ação apenas no próximo sábado, contra o Figueirense, no Orlando Scarpelli.

O jogo ? Muito mais animado do que o Santa Cruz, que só jogava ?para honrar a camisa?, como definiu Adriano Teixeira à beira do campo, o Paysandu não demorou a criar as suas primeiras oportunidades de gol. O time da casa era empurrado por sua torcida na Curuzu.

A rede balançou pela primeira vez aos 27 minutos. Em um levantamento na área feito por Ayrton, Caion ajeitou a bola de cabeça, e Bergson demonstrou o oportunismo habitual para dominar e arrematar dentro da área, empolgando ainda mais o público em Belém.

O Paysandu precisou de mais dois minutos para ampliar a sua vantagem no marcador. Magno arrancou pela direita e cruzou a bola na área. Lá dentro, Fábio Matos se atirou, livre de marcação, para completar para o gol.

Com a vitória bem encaminhada, o Paysandu se acomodou e diminuiu o ritmo no princípio do segundo tempo. O abatido Santa Cruz, por sua vez, trocou Bruno Paulo por William Barbio na esperança de ao menos amenizar mais um tropeço na segunda divisão. Depois, Italo ocupou a vaga de Wellington Cézar.

As modificações do Santa Cruz surtiram efeito. Aos 12 minutos, William Barbio ajeitou a bola na ponta esquerda e ergueu na área. A defesa do Paysandu vacilou, e Augusto apareceu entre a marcação para descontar.

O gol do Santa Cruz acordou os donos da casa. Aos 16, Ayrton foi acionado na direita e fez o cruzamento. Bergson, na entrada da pequena área, voltou a deixar a sua marca e ganhou força na disputa para ser o goleador da Série B.

Àquela altura, o Santa Cruz já não parecia ter mais forças para reagir, mas conseguiu voltar a incomodar o Paysandu, outra vez valorizando a posse de bola. Aos 30 minutos, Marcílio recebeu de Augusto e soltou o pé de fora da área e anotar um belo gol na Curuzu.

Havia um jogador do Papão que não se deixava levar pelo comodismo. Motivado para alcançar os 16 gols do meia-atacante Mazinho, do Oeste, na briga para ser o artilheiro do campeonato, Bergson contou com outra assistência de Ayrton para sacramentar a vitória da sua equipe.

FICHA TÉCNICA

PAYSANDU 4 X 2 SANTA CRUZ

Local: Estádio da Curuzu, em Belém (PA)

Data: 18 de novembro de 2017, sábado

Horário: 17h30 (de Brasília)

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)

Assistentes: Lúcio Beiersdorf Flor (RS) e Leirson Peng Martins (RS)

Cartões amarelos: Fábio Matos (Paysandu); Bruno Paulo, Yuri e Augusto

Gols: PAYSANDU: Bergson, aos 27, e Fábio Matos, aos 29 minutos do primeiro tempo; Bergson, aos 16 e aos 41 minutos do segundo tempo; SANTA CRUZ: Augusto, aos 12, e Marcílio, aos 30 minutos do segundo tempo

PAYSANDU: Marcos Milanezi; Ayrton, Rafael Dumas, Diego Ivo e Guilherme Santos; Rodrigo Andrade (Augusto Recife), Renato Augusto e Fábio Matos (Jhonnatan); Magno, Caion (Marcão) e Bergson

Técnico: Marquinhos Santos

SANTA CRUZ: Jacsson; Bruno Silva, Anderson Salles, Sandro, Yuri e Wellington Cézar (Italo); Lucas Gomes e Natan (Marcílio); Bruno Paulo (William Barbio), Augusto e Halef Pitbull

Técnico: Adriano Teixeira

Gazeta Esportiva

TAGS