PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Manchester United anula Richarlison e goleia o Watford

A boa e surpreendente campanha do Watford na Premier League não causou qualquer impacto no Manchester United na noite dessa terça-feira. Mesmo no estádio Vicarage Road, os Reds se impuseram, anularam o atacante brasileiro Richarlison e logo no primeiro tempo encaminharam a vitória por 4 a 2. O destaque foi Asheley Young, com dois gols. [?]

19:15 | 28/11/2017

A boa e surpreendente campanha do Watford na Premier League não causou qualquer impacto no Manchester United na noite dessa terça-feira. Mesmo no estádio Vicarage Road, os Reds se impuseram, anularam o atacante brasileiro Richarlison e logo no primeiro tempo encaminharam a vitória por 4 a 2. O destaque foi Asheley Young, com dois gols. Martial e Lingard completaram o placar. O ex-atacante do Fluminense, artilheiro e sensação do Watford nessa temporada só apareceu nos acréscimos da etapa inicial, quando acertou uma bola no travessão. Deeney, de pênalti, e Duoucouré marcaram para os donos da casa.

A vitória leva a equipe de Mourinho aos 32 pontos, firme na caça ao líder e rival Manchester City, que soma 37 e ainda entrará em campo nesta 14ª rodada do Campeonato Inglês. Os Citizens jogam nesta quarta, em casa, diante do Southampton, às 18h (horário de Brasília). Já o Watford estaciona na oitava colocação, com 21 pontos.

Apesar da grande expectativa minutos antes da bola rolar, após o apito inicial do árbitro o jogo se transformou em um verdadeiro show do Manchester United. As duas equipes se espelhavam em campo, ambas com três zagueiros, mas o United teve um lateral esquerdo que resolveu quebrar os protocolos.

Aos 18, Asheley Young apareceu na ponta esquerda, quase como um atacante, e abriu o placar com um belo chute de pé direito, sem chance para o goleiro brasileiro Gomes. Sete minutos depois, Young fez ainda mais bonito. Em cobrança de falta frontal, o lateral acertou o ângulo, no contrapé de Gomes. Um golaço.

Mourinho não escondeu seu espanto no banco de reservas. E mal deu tempo do técnico português desfazer a cara de surpreso quando sua equipe chegou ao terceiro gol. 31 minutos, descuido na hora de cortar o perigo e o United foi fatal. Likaku serviu e Martial só tocou na saída de Gomes.

Apenas nos acréscimos do primeiro tempo é que os donos da casa apareceram para o jogo. Richarlison, até então anulado, apareceu na área para escorar cruzamento. A bola, caprichosamente, acertou o travessão de De Gea.

A larga vantagem deu a sensação de partida definida e, muito por isso, o segundo tempo teve muitos momentos de marasmo. De repente, no entanto, a partida pegou fogo. O técnico Marco Silva colocou sua equipe à frente, em busca de um milagre, e colocou calor na disputa novamente.

Tudo começou com o pênalti cometido por Rojo. Deeney converteu aos 32. Cinco minutos depois, Duoucouré apareceu como uma flecha na área, anotou o segundo e deu esperança ao torcedor nas cadeiras do Vicarage Road. Os minutos finais prometiam, mas, aos 41, em um contra-ataque mortal, Lingard foi para cima de quatro marcadores, se livrou de todos, até encontrar ângulo para finalizar e estufar as redes, jogando um balde de água fria no Watford e dando o alívio que o torcedor do Manchester United esperava.

Ainda deu tempo de Mourinho colocar Ibrahimovic em campo justamente no lugar de Lingard. O sueco está recuperado de uma contusão que por pouco não encerrou sua carreira e, aos pontos, vai tentando retomar o ritmo de jogo.

Na próxima rodada, os comandados de Mourinho fazem clássico contra o Arsenal, sábado, de novo fora de casa. Enquanto isso, o Watford buscará a recuperação no Campeonato Inglês diante do Tottenham também no sábado, e mais uma vez em casa.

Os resultados da 14ª rodada do Campeonato Inglês nessa terça:

17:45 Brighton 0 x 0 Crystal Palace

17:45 Leicester 2 x 1 Tottenham

18:00 Watford 2 x 4 Manchester United

18:00 West Brom 2 x 2 Newcastle Utd

Gazeta Esportiva

TAGS