PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Confusão no Moisés Lucarelli tem quatro presos e cinco feridos

A derrota de virada que decretou o rebaixamento da Ponte Preta no último domingo gerou uma enorme confusão no estádio Moisés Lucarelli. Logo após o terceiro gol anotado pelo Vitória, aos 37 minutos, os torcedores da Macaca começaram a destruir o alambrado e tentaram invadir o gramado. Após perceberem o ato da torcida, os jogadores [?]

11:15 | 27/11/2017

A derrota de virada que decretou o rebaixamento da Ponte Preta no último domingo gerou uma enorme confusão no estádio Moisés Lucarelli. Logo após o terceiro gol anotado pelo Vitória, aos 37 minutos, os torcedores da Macaca começaram a destruir o alambrado e tentaram invadir o gramado.

Após perceberem o ato da torcida, os jogadores dos dois clubes partiram rapidamente aos vestiários. Para impedir o avanço dos torcedores, a Polícia Militar utilizou bombas de efeito moral e tiros de balas de borracha. A resposta do lado do torcedor eram de pedaços de pau, pedras, e até uma grade de ferro.

A confusão continuou no lado de fora do estádio, onde os torcedores continuaram arremessando objetos contra os policias e buscando depredar o local. A polícia confirmou que quatro torcedores ponte-pretanos foram presos (dois por arremesso de pedras e dois pela invasão e depredação do estádio).

Os oficiais confirmaram ainda que três policias sofreram ferimentos (um levou uma pedrada na mão, outro levou socos e chutes e o terceiro sofreu um corte no braço). Além dos policias, dois torcedores ficaram feridos, foram levados para o hospital e foram liberados após serem atendidos.

Dentro de campo, o técnico Vágner Mancini relatou que o atacante André Lima sofreu uma lesão no joelho, enquanto o meia Yago passou mal no vestiário. Dois atletas da Ponte Preta, o lateral-direito Jeferson e o zagueiro Luan Peres, fugiram para o vestiário do adversário e precisaram esperar os seguranças da equipe paulista para voltar ao vestiário dos mandantes.

Com a derrota por 3 a 2, a Ponte Preta está rebaixada para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro. Já o Vitória chega a última rodada fora da zona de rebaixamento, porém ainda com chances de ser rebaixado. O duelo dos baianos na partida final será contra o Flamengo no Barradão. Já os paulistas encaram o Vasco, no estádio São Januário.

Gazeta Esportiva

TAGS