Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Bayern mantém 100% com Heynckes, vence Dortmund e vira líder

O Bayern de Munique de Jupp Heynckes está lembrando a equipe bávara que venceu a Liga dos Campeões 2012/13, justamente sob seu comando. Neste sábado, os atuais pentacampeões da Bundesliga atropelaram o Borussia Dortmund por 3 a 1, em Westaflensatdion, pela 11ª rodada do Campeonato Alemão. Em sua sétima partida no comando do Bayern de [?]
16:45 | Nov. 04, 2017
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Bayern de Munique de Jupp Heynckes está lembrando a equipe bávara que venceu a Liga dos Campeões 2012/13, justamente sob seu comando. Neste sábado, os atuais pentacampeões da Bundesliga atropelaram o Borussia Dortmund por 3 a 1, em Westaflensatdion, pela 11ª rodada do Campeonato Alemão.

Em sua sétima partida no comando do Bayern de Munique, Heynckes venceu o sétimo jogo ? no período, houve um empate contra o Red Bull Leipzig, mas os bávaros avançaram nos pênaltis. No total, são 17 gols anotados e apenas três sofridos.

Neste sábado, o treinador alemão precisou de poucos minutos para mostrar os efeitos de seu trabalho em campo. Aos 17, a jogada tem iniciou com o deslocamento de Coman em diagonal, o que abre espaço para Alaba chegar pela esquerda, às costas de Bartra. Na sequência, Thiago inverteu a bola para James Rodríguez, que dominou com a cabeça e ajeitou para Robben mandar de canhota no ângulo.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Com o Bayern posicionado com sua linha de quatro defensiva, dois volantes recuados e mais três meias colaborando na marcação, os visitantes conseguiram controlar a partida, mas ainda contaram com a sorte. Primeiro, para que Yarmolenko e Kagawa desperdiçassem suas oportunidades, depois, para que Lewandowski anotasse o segundo.

Aos 36 minutos, Kimmich foi até a linha de fundo e fez o cruzamento rasteiro. No meio da área, Lewandowski finalizou de letra, a bola desviou no zagueiro e enganou o goleiro Bürki, que nada pôde fazer.

Na etapa final, o desenho do jogo se manteve, bem como a sorte bávara. Até poderia parecer o contrário nos primeiros minutos, quando Burki salvou cabeçada de Lewandowski com os pés, mas pouco depois, Alaba impediu o gol de Pulisic tirando em cima da linha.

Já com 21 jogados, Alaba avançou pela esquerda e cruzou na área, Lewandoski se esticou todo e tentou tocar na bola, que não resvalou no atacante, quicou na área e acabou no fundo do gol de Burki.

Por fim, já aos 42, o Dortmund fez seu gol de honra. Na falta mal afastada pela defesa do Bayern, a bola ficou com Pulisic na esquerda. Ele foi cercado por três marcadores, mas se livrou dando uma caneta em Robben. Na sequência, Bartra recebeu dentro da área e colocou no canto de Ulreich.

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags