PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Por questões políticas, jogo entre Barcelona e Las Palmas terá portões fechados

O jogo entre Barcelona e Las Palmas deste domingo, no Camp Nou, válido pela sétima rodada do Campeonato Espanhol, terá portões fechados à torcida, como opção do clube azul-grená. O motivo seria os acontecimentos em função do referendo aberto na manhã deste domingo, na Catalunha, realizado como forma de consulta popular para a independência da [?]

11:15 | 01/10/2017

O jogo entre Barcelona e Las Palmas deste domingo, no Camp Nou, válido pela sétima rodada do Campeonato Espanhol, terá portões fechados à torcida, como opção do clube azul-grená. O motivo seria os acontecimentos em função do referendo aberto na manhã deste domingo, na Catalunha, realizado como forma de consulta popular para a independência da região em relação a Espanha.

O governo espanhol não reconheceria o referendo, iniciado às 4h (de Brasília, o equivalente às 9h na Espanha), sob a justificativa de que governos locais não podem convocar referendos para tratar de questões de soberania. O Tribunal Constitucional considera a iniciativa ilegal. Isto posto, a Guarda Civil passou a intervir em diversos pontos em que a votação estava acontecendo, retirando separatistas, recolhendo urnas e outros materiais de votação.

Alguns jogadores e ex-jogadores do Barça, inclusive, já votaram e se manifestaram a respeito do referendo, como é o caso do zagueiro Gerard Piqué e do meia Xavi Hernández, ídolo do clube que hoje atua no futebol árabe. O Las Palmas, adversário deste domingo, por outro lado, confeccionou um uniforme especial para o confronto, levando a bandeira da Espanha no peito, em posicionamento claro contra a separação.

De forma a evitar possíveis conflitos e problemas durante a partida que ocorreria a partir das 11h15 (Brasília), o presidente do Barça Josep Maria Bartomeu requisitou que o duelo fosse disputado sem a presença dos torcedores nas arquibancadas. O pedido já teria sido atendido pelos representantes da Liga Profissional de Futebol, e foi anunciado oficialmente pelo clube catalão 20 minutos antes da bola rolar.

 

 

Gazeta Esportiva

TAGS