PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Por fair play financeiro, Uefa interroga dirigentes do PSG

Nesta quinta-feira, dirigentes do Paris Saint-Germain compareceram à sede da Uefa em Nyon, Suiça, para depor à respeito das contratações do brasileiro Neymar Júnior e do francês Kylian Mbappé, como informa o jornal L?Équipe. O interrogatório faria parte da investigação da entidade maior do futebol europeu para garantir as medidas de fair play financeiro. Dados [?]

13:15 | 06/10/2017

Nesta quinta-feira, dirigentes do Paris Saint-Germain compareceram à sede da Uefa em Nyon, Suiça, para depor à respeito das contratações do brasileiro Neymar Júnior e do francês Kylian Mbappé, como informa o jornal L?Équipe. O interrogatório faria parte da investigação da entidade maior do futebol europeu para garantir as medidas de fair play financeiro.

Dados os astronômicos valores movimentados pelas duas contratações, a Uefa deve examinar as contas do clube parisiense junto aos respectivos responsáveis financeiros para averiguar a existência de possíveis irregularidades nas negociações. Neymar chegou ao Parque dos Príncipes pelo valor de 222 milhões de euros, enquanto Mbappé está emprestado com a opção de compra por 180 milhões de euros. Se somadas, as quantias seriam equivalentes a quase R$ 1,5 bilhão.

O fair play financeiro é uma iniciativa da Uefa para manter o equilíbrio do mercado europeu de futebol, sem grandes níveis de inflação. Na teoria, os clubes não poderiam gastar uma quantidade de dinheiro maior do que sua receita, do que ingressa aos seus respectivos cofres. Caso os clubes apresentem um déficit maior do que 30 milhões de euros,  poderão ser submetidos a diversos tipos de punição.

 

 

Gazeta Esportiva

TAGS