PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Neymar está descontente no Paris Saint-Germain, afirma canal de TV

Maior contratação da história do futebol, Neymar não está tão feliz como desejava no Paris Saint-Germain. Segundo o canal de televisão catalão Betevé, o craque brasileiro não estaria contente com o trabalho do treinador Unai Emery e que sente saudades da cidade de do ambiente da antiga cidade. Além disso, a vida na capital francesa [?]

11:30 | 30/10/2017

Maior contratação da história do futebol, Neymar não está tão feliz como desejava no Paris Saint-Germain. Segundo o canal de televisão catalão Betevé, o craque brasileiro não estaria contente com o trabalho do treinador Unai Emery e que sente saudades da cidade de do ambiente da antiga cidade. Além disso, a vida na capital francesa ?não está sendo o que ele esperava?.

O desconforto do atacante também foi divulgado nesta semana pelo jornal francês Le Parisiense, que ressaltou que a grande quantidade regalias de Neymar começaram a incomodar o ambiente com os medalhões do elenco parisiense. O jornal Sport, que destacou: ?Seus amigos, família e os chamados de ?Toiss? tampouco se sentem bem em Paris, que é uma cidade que não tem nada a ver com Barcelona?

No último domingo, a situação ficou ainda mais conturbada após Neymar usar o período que não atuou devido à expulsão na partida contra o Olympique de Marselha para visitar em Barcelona os amigos Lionel Messi e Luis Suarez, O brasileiro postou uma foto nas redes sociais junto com o filho e os ex-companheiros de equipe.

O brasileiro foi contratado no início do mês de agosto após meses de especulações e negociações entre o Barcelona e o PSG. O preço desembolsado pelo clube parisiense de 222 milhões de euros (aproximadamente R$ 822 milhões na época) fez com que Neymar se tornasse o jogador mais caro da história do futebol, desbancando o recorde que era do meia Paul Pogba, quando o jogador trocou a Juventus pelo Manchester United, clube que revelou o francês.

Nesta temporada, Neymar é o principal destaque do clube francês e tenta ajudar a equipe a conquistar a Liga dos Campeões, principal torneio de clubes do futebol europeu e que jamais foi ganho pelo Paris Saint-Germain. Nesta edição, o time já lidera o Grupo B, com nove pontos e 100% de aproveitamento.

Gazeta Esportiva

TAGS