PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Fora dos planos, Kayke não deve permanecer no Santos em 2018

Mesmo não sabendo se seguirá como presidente em 2018 e com o Santos ainda lutando pelo título do Campeonato Brasileiro, o presidente Modesto Roma Júnior já iniciou o planejamento para a próxima temporada. Além de estipular um total de cinco reforços, o mandatário vem montando uma lista de dispensas. E o atacante Kayke é um [?]

09:15 | 09/10/2017

Mesmo não sabendo se seguirá como presidente em 2018 e com o Santos ainda lutando pelo título do Campeonato Brasileiro, o presidente Modesto Roma Júnior já iniciou o planejamento para a próxima temporada. Além de estipular um total de cinco reforços, o mandatário vem montando uma lista de dispensas. E o atacante Kayke é um dos atletas que não devem seguir no Peixe a partir de janeiro.

O camisa 11 está emprestado até o final do ano pelo Yokohama Marinos, do Japão. Para comprar o jogador em definitivo, o Peixe teria que pagar 1 milhão de dólares (cerca de R$ 3 milhões).

Os santistas consideram o valor muito alto. Além disso, Kayke não está no planos da diretoria para a próxima temporada. Apesar dos nove gols que anotou em 38 jogos na temporada, o atacante vem sendo apenas opção no banco de reservas e vive um jejum de mais de três meses.

A última vez que o camisa 11 balançou as redes foi no dia 5 de setembro, no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, contra o Atlético-PR. Na ocasião, ele anotou dois tentos.

Com a provável saída de Kayke, a diretoria do Peixe pretende manter Rodrigão no elenco em 2018. O atacante de 23 anos já marcou cinco gols desde foi emprestado ao Bahia, em julho. Ele tem contrato com o Santos até 2020.

Por fim, o clube de Vila Belmiro ainda não sabe se terá Ricardo Oliveira na próxima temporada. O camisa 9 ainda não respondeu uma proposta de renovação contratual feita pelo alvinegro. Além disso, o retorno de Nilmar, se tratando de depressão, também é uma incógnita.

Gazeta Esportiva

TAGS