PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Em gramado sintético, Sporting estreia na Copa de Portugal contra Oleiros

Nesta quinta-feira, o Sporting estreará na Copa de Portugal, visitando o Oleiros, a partir das 16h15 (de Brasília) no Estádio Municipal de Oleiros. A partida é válida pela terceira fase da competição, que conta com 64 times na disputa pelo título. O time de Lisboa inicia sua participação nesta etapa em função do regulamento, enquanto [?]

20:15 | 11/10/2017

Nesta quinta-feira, o Sporting estreará na Copa de Portugal, visitando o Oleiros, a partir das 16h15 (de Brasília) no Estádio Municipal de Oleiros. A partida é válida pela terceira fase da competição, que conta com 64 times na disputa pelo título. O time de Lisboa inicia sua participação nesta etapa em função do regulamento, enquanto o time da segunda divisão portuguesa já passou pelo Alcanenense, na primeira fase, e pelo Sousense, na segunda.

A novidade do duelo fica por conta do estádio em que o mesmo será travado. Além de apresentar, a princípio, problemas em relação à iluminação e à segurança, fazendo com que a Federação Portuguesa de Futebol realizasse mais de uma inspeção à sua estrutura, o Municipal de Oleiros possui um gramado sintético, algo que deixou o treinador visitante Jorge Jesus claramente incomodado.

?Temos todo o gosto em ir a Oleiros jogar, pois a Taça de Portugal é uma festa para muitos clubes e vilas que se promovem com ela. Nunca nos opusemos a ir lá, tem a ver apenas com o sintético, que não é compatível a uma equipe profissional. Tivemos o jogo da seleção em Andorra, devia ser proibido haver campos sintéticos, já explicamos o porquê. Mas vamos jogar no sintético e vamos com todo o gosto?, apontou.

O comandante do Sporting admitiu não ir a campo com sua equipe titular. Para além de evitar lesões em função do tipo de gramado em que a partida será jogada, Jesus diz estar de olho no embate de meio de semana, pela Liga dos Campeões, contra a Juventus, na Itália.

Pelo lado do Oleiros, o sentimento é pautado por muita ansiedade e orgulho. O jogo contra a equipe da capital será histórico para o pequeno município, de pouco mais de 5 mil habitantes. A fala do técnico Natan Costa espelha bem o que representa a partida para os jogadores e população local. ?O clube nunca tinha passado de fase na Copa. Estamos na terceira fase, tivemos a felicidade de receber o Sporting e depois, claro, há o mérito de muita gente, nomeadamente da Câmara Municipal, que reuniu esforços na tentativa de que o jogo fosse aqui. Por isso, este momento é já como como se estivéssemos a subir a tribuna presidencial do Jamor. É como se já fossemos vencedores?, completou.

Em outros duelos válidos pela terceira fase da Copa de Portugal, o Porto visita o Lusitano na sexta-feira, enquanto o Benfica, também fora de casa, pega o Olhanense, no sábado.

Gazeta Esportiva

TAGS