PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Braz cita exemplo de 2016 para Santos não tropeçar contra ?desesperados?

Em 2016, o Santos acabou ficando com o vice do Campeonato Brasileiro. Porém, a história poderia ter sido diferente se o time, então comandado por Dorival Júnior, não tivesse tropeçado contra vários clubes que lutaram contra o rebaixamento. Levando em consideração apenas Internacional, Figueirense, Santa Cruz e América-MG, que caíram para a segunda divisão na [?]

15:30 | 09/10/2017

Em 2016, o Santos acabou ficando com o vice do Campeonato Brasileiro. Porém, a história poderia ter sido diferente se o time, então comandado por Dorival Júnior, não tivesse tropeçado contra vários clubes que lutaram contra o rebaixamento. Levando em consideração apenas Internacional, Figueirense, Santa Cruz e América-MG, que caíram para a segunda divisão na última temporada, o Peixe deixou de ganhar 13 pontos, número que seria suficiente para superar o Palmeiras e ficar com o título.

Neste ano, o alvinegro já tropeçou contra Atlético-GO, Coritiba, Avaí e Sport, que estão na zona da degola. Para o zagueiro David Braz, a equipe comandada por Levir Culpi precisa usar 2016 como um exemplo para conseguir pontuar diante dos

?Que nós possamos usar essa experiência do ano passado para que não aconteça novamente agora. Todos os times são muito qualificados. Tem muita gente surpreendendo. O futebol brasileiro já está acostumado com isso. Nem sempre os times que estão na frente vão ganhar. Temos que ficar ligados contra os times que estão lá embaixo para não tropeçar?, disse o defensor em entrevista coletiva nesta segunda-feira.

E o Santos terá um verdadeiro teste de fogo para provar que não sofre mais com essa sina diante dos desesperados, afinal, os próximos cinco jogos no Brasileiro serão contra times que lutam contra o rebaixamento (Ponte Preta, Vitória, Sport, Atlético-GO e São Paulo).

O primeiro compromisso, diante da Macaca, acontece nesta quinta-feira, às 17h (de Brasília), no Moisés Lucarelli, em Campinas.

?A Ponte é uma equipe que marca muito bem. Nós acompanhamos o jogo contra o Flamengo e eles marcaram muito forte. Acredito que vão marcar bem e temos que fazer o mesmo. Acredito que vai ser um jogo com poucas chances de gol pelo fato das duas equipes serem fortes na marcação. Temos que aproveitar essas poucas chances para sair com a vitoria?, concluiu Braz.

Gazeta Esportiva

TAGS