PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Wenger admite que ?hesitou? em renovar seu contrato com o Arsenal

Depois de uma temporada muito ruim ? em que a equipe não se classificou para a Liga dos Campeões e parte dos torcedores pediram a saída de Arsene Wenger ?, o Arsenal optou por renovar o contrato do treinador francês por duas temporadas. Em entrevista, o comandante de 67 anos revelou que ?hesitou? em estender [?]

15:30 | 04/09/2017

Depois de uma temporada muito ruim ? em que a equipe não se classificou para a Liga dos Campeões e parte dos torcedores pediram a saída de Arsene Wenger ?, o Arsenal optou por renovar o contrato do treinador francês por duas temporadas. Em entrevista, o comandante de 67 anos revelou que ?hesitou? em estender seu vínculo com os Gunners porque tinha dúvidas se ele era ?capaz de liderar o clube?.

Além disso, no programa Telefoot na TV francesa, Wenger, que só assinou o novo acordo em maio, comentou que demorou para tomar uma definição sobre o seu futuro por ?razões pessoais?. Ele ainda acrescentou que: ?estou aqui há mais tempo do que eu poderia sonhar, você ainda pode levar a equipe para o próximo nível??

Como terminou em quinto colocado no Campeonato Inglês, o Arsenal não se classificou para a Champions League pela primeira vez desde 1996, quando o técnico da França assumiu a equipe. O time de Londres ganhou a Copa da Inglaterra em 2016/17 ao superar o Chelsea na final, o que aliviou um pouco o clima pesado de fim de temporada.

Nesta temporada, os Gunners começaram a Premier League com uma vitória por 4 a 3 sobre o Leicester, no entanto, em seguida, perdeu para o Stoke City por 1 a 0 e foi goleado pelo Liverpool, em Anfield, por 4 a 0.

?Estou no Arsenal há muitos anos e tivemos muitas dificuldades na temporada passada. Neste ano, vencemos nosso primeiro jogo, não fomos bem no segundo, e tivemos uma performance catastrófica?, avaliou Wenger. ?Mas agora nós nos recuperamos e, como sempre em tempos de crise, você tem que vencer o próximo jogo?.

Durante um momento de perguntas e respostas do programa, o treinador de 67 anos afirmou que ele pode ganhar o Campeonato Inglês nesse ano e que ele comandaria outra equipe. O francês também disse que não trocaria todos os seus troféus por um título da Liga dos Campeões e que ele está satisfeito com as contratações feitas pela equipe de Londres.

Gazeta Esportiva

TAGS