PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Reserva dos ?melhores do Brasil?, Pedro evita pressa por titularidade

Pedro foi titular em 12 jogos e atuou em outros três do Brasileiro

16:45 | 01/09/2017

O zagueiro Pedro Henrique não demonstra pressa em se tornar titular do Corinthians. Reserva mais utilizado pelo técnico Fábio Carille no Campeonato Brasileiro, ele já tem mais jogos até do que Pablo pelo torneio (15 a 14), ambos pouco abaixo dos 17 de Balbuena. Nada disso, porém, faz com que o jovem tenha qualquer exigência a respeito de ser um dos 11 jogadores escalados de início pelo treinador.

?Confio no Pablo e no Balbuena, que vão ser titulares a partir de agora. Melhor dupla do futebol brasileiro, na minha opinião?, disse o garoto, que atuou de forma consecutiva desde a 16ª rodada, quando substituiu o machucado Pablo, até a 22ª, quando foi opção para o lesionado Balbuena. Para o atleta de 21 anos, tudo faz parte de um aprendizado na carreira.

?Vou aproveitar do banco também, assistindo e observando. É uma disputa sadia, o que o professor optar eu vou respeitar. Se a gente está em primeiro é devido ao grupo que foi utilizado. Temos um grupo muito focado. Não é por ser reserva ou titular que a gente vai ficar de cara fechada?. avaliou, contente com o papel desempenhado nas chances que teve.

?Sem dúvida, vinha trabalhando forte para, na hora que aparecesse a oportunidade, poder aparecer da melhor maneira possível. Acho que consegui?, observou o defensor, autor de um gol no período, que passou nove dos 15 jogos em que atuou sem ver a defesa ser vazada.

Além da qualidade técnica dos dois titulares, que já têm 26 anos e são considerados postulantes à disputa da Copa do Mundo pelas suas seleções, Pedro ressaltou a conversa que consegue ter com a dupla. Para ele, o aprendizado fora de campo é tão bom quanto dentro.

?São grandes pessoas, trabalham, se dedicam nos treinos. A entrega e a experiência deles são coisas que nos ajudam. Já tiveram bastante experiência. Estão buscando sempre aperfeiçoar. Tenho certeza que vão melhorar muito ainda e ser os destaques da linha de defesa do campeonato?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS