PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Mourinho se diz desapontado com escolha de brasileiro

Famoso por ser sempre polêmico, o técnico José Mourinho não escondeu o seu desapontamento ao comentar sobre a escolha feita pelo brasileiro nascido na Bélgica, Andreas Pereira. Na última janela de transferências, o jogador de 21 anos pediu para ser emprestado pelo Manchester United e acabou acertando a sua saída para o Valência, da Espanha. [?]

14:30 | 08/09/2017

Famoso por ser sempre polêmico, o técnico José Mourinho não escondeu o seu desapontamento ao comentar sobre a escolha feita pelo brasileiro nascido na Bélgica, Andreas Pereira. Na última janela de transferências, o jogador de 21 anos pediu para ser emprestado pelo Manchester United e acabou acertando a sua saída para o Valência, da Espanha.

?Foi uma decisão pessoal, eu não discordo, mas não acho que tenha sido a melhor coisa para ele. Uma decisão que me desaponta um pouco porque ele tem potencial para estar aqui lutando pela sua posição, por oportunidades, para se tornar um jogador do time principal do Manchester United?, declarou o treinador dos diabos vermelhos.

Contratado pelo clube inglês quando ainda atuava na categoria de base do PSV, da Holanda, o meia ainda não conseguiu demonstrar seu futebol atuando pelo Manchester United. Emprestado para o Granada na temporada passada, o atleta preferiu ser emprestado por mais um temporada do que buscar mais espaço dentro do recheado elenco do United. A decisão do jovem porém foi criticada pelo treinador português.

?Sua decisão pode ser considerada como a de um jovem que quer jogar todo o fim de semana, mas também como a de um jovem que não está pronto para lutar por algo difícil e não é fácil jogar no meio-campo do Manchester United?, opinou.

Porém, Mourinho relembrou que possui a condição de trazer o jogador de volta caso considere necessário já em janeiro. ?Você precisa estar pronto para brigar por um lugar e eu estou um pouco desapontado. Mas ok, foi a sua decisão, ele tem um longo contrato (até junho de 2019) e nós temos a opção de trazê-lo de volta no dia 1º de janeiro. Então temos a situação sob controle, não precisamos fazer drama?, afirmou.

Gazeta Esportiva

TAGS