PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Marcelo rasga elogios a Tite e avisa: ?A Seleção Brasileira está voltando?

Depois de outros jogadores brasileiros escreverem no The Players Tribune, o lateral-esquerdo Marcelo fez uma publicação no site americano. Durante o seu texto, o atleta de 29 anos relembra o início da sua carreira, destacando o esforço que seu avô fez para ele se tornar jogador de futebol, sua ida para o Real Madrid e [?]

15:45 | 06/09/2017

Depois de outros jogadores brasileiros escreverem no The Players Tribune, o lateral-esquerdo Marcelo fez uma publicação no site americano. Durante o seu texto, o atleta de 29 anos relembra o início da sua carreira, destacando o esforço que seu avô fez para ele se tornar jogador de futebol, sua ida para o Real Madrid e quando ele conquistou a Liga dos Campeões em 2015/16.

Em uma das principais partes do seu texto, o lateral do Brasil mostrou confiança que o hexacampeonato mundial pode vir em 2018 e rasgou elogios ao treinador Tite. ?Na Copa do Mundo de 2018, a Seleção Brasileira está voltando. Escreva o que estou te dizendo. Com o Tite como nosso técnico, eu sinceramente acredito que podemos colocar a bandeira brasileira de volta ao posto mais alto?.

?Quando ele aceitou ser técnico da Seleção, ele me ligou e disse: ?eu não estou prometendo a você que eu vou te convocar, mas se eu fizer isso, você ainda estaria disposto a jogar pela Seleção Brasileira?? Aquele telefonema foi tudo para mim. Foi a primeira vez que eu recebi um telefonema de um técnico do Brasil e olha que faz 10 anos que eu jogo pela Seleção. Eu mataria pelo Tite e vou fazer de tudo que eu posso para colocar um troféu de ouro na estante do meu avô?, completou Marcelo lembrando que seu avô ? que chegou a vender um carro para permitir que o lateral jogasse quando criança ? tinha uma estante com seus troféus e guardava recortes de jornais.

O atleta do Real Madrid ainda lembrou da boa recepção que Roberto Carlos lhe deu quando ele chegou ao clube da capital espanhola. O jogador de 29 anos também contou quando ele decidiu ser jogador e chamou Ronald de herói.

?(Ronaldo), se você estiver lendo isso, quando eu tinha 6 anos de idade, meus amigos e eu pintamos o seu rosto na nossa rua (na Copa do Mundo de 1994). Você era o nosso herói. É uma lembrança que fica no meu coração?, comentou.

?É engraçado o que a gente lembra da vida. Eu não me recordo muito bem de assistir ao Brasil ganhar a final? Mas eu tenho uma lembrança de ver uma foto específica na primeira página do jornal do Rio. A Seleção Brasileira tinha acabado de chegar no Brasil e o Romário estava literalmente curtindo na janela da frente, na cabine do piloto, balançando uma bandeira gigante do Brasil, como se ele estivesse acabado de conquistar o mundo para gente. Eu me lembro de ver aquela foto e sentir que meu coração ia explodir de orgulho. Eu pensei: meu Deus, eu preciso fazer isso um dia?.

Gazeta Esportiva

TAGS