PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Isco renova com Real, mas admite procura do Barcelona

Nesta sexta-feira, o Real Madrid deu mais uma boa notícia para os torcedores. O clube anunciou de forma oficial a renovação do contrato de Isco até 30 de junho de 2022, com multa rescisória de 700 milhões de euros (cerca de R$ 2,6 bilhões). Durante a entrevista, o atleta espanhol declarou ter um sentimento de [?]

12:15 | 15/09/2017

Nesta sexta-feira, o Real Madrid deu mais uma boa notícia para os torcedores. O clube anunciou de forma oficial a renovação do contrato de Isco até 30 de junho de 2022, com multa rescisória de 700 milhões de euros (cerca de R$ 2,6 bilhões). Durante a entrevista, o atleta espanhol declarou ter um sentimento de gratidão pelos merengues e afirmou ter sido procurado pelo Barcelona.

Sobre o clube catalão, Isco foi enfático ao comentar a possibilidade de jogar no rival. ?Vocês nunca irão me ver vestindo a camisa do Barcelona. Minha ideia é triunfar aqui em Madrid. Sei que passei momentos ruins e demorei para me adaptar, mas não me arrependo de nada. Vou me consolidar cada vez mais aqui no Real?, disse. Mesmo com a afirmação, o camisa 22 revelou ter sido procurado pelo Barcelona. ?Não posso negar, pois houve um contato por parte deles, mas recusei logo no início das conversas. Falei que não havia a menor possibilidade de me mudar para a Catalunha?, completou.

Isco sempre foi tratado como o ?12° jogador? do elenco de Zinédine Zidane, mas as seguidas lesões de Gareth Bale e as atuações fizeram do jogador espanhol peça constante no primeiro time, principalmente na reta final da última temporada. ?Com certeza estou feliz por estar em campo, mas nosso elenco é muito competitivo e existem muitos titulares. Por conta das rotações, posso afirmar que me sinto importante, mais do que apenas um titular?, ressaltou o atleta.

O treinador francês não foi esquecido pelo jogador. Quando perguntado sobre o trabalho e a importância de Zidane, Isco não poupou elogios ao comandante. ?Ele me deu confiança nos momentos mais difíceis da minha carreira aqui em Madrid. Me sinto sempre na obrigação de corresponder dentro de campo. Ele me colocou na posição que gosto mais de atuar, perto do gol. Não sei quantificar sua importância para minha evolução?, declarou Isco.

Gazeta Esportiva

TAGS